Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Brasil

Médico de 20 anos vai atuar na pandemia

José Victor passa a ser o médico mais jovem do país. Ele alcança o feito do médico Donato D’Angelo, que também se formou aos 20 anos em 1939

Foto: Reprodução/Instagram

Aos 20 anos, o médico José Victor Menezes vai atuar no combate à pandemia de covid-19. O jovem foi aprovado na Universidade Federal de Sergipe (UFS) com apenas 14 anos, em 2015, e recebeu o diploma na última terça-feira (11).

Assim, José Victor passa a ser o médico mais jovem do país. Ele alcança o feito do médico Donato D’Angelo, que também se formou aos 20 anos na Faculdade Fluminense de Medicina, em 1939, afirma o portal UOL.

Ao portal, Victor explicou como foi passar na faculdade tão novo. “Foi concedida uma liminar, permitiram que eu fizesse provas de proficiência. Fiz 13 provas e em nenhuma poderia tirar menos do que 5. Conclui passando em todas, com a média geral de nota 8. Foi então que a Secretaria de Educação do Estado me deu a conclusão do ensino médio e a usei para me matricular na UFS”, lembra.

O médico é autor do livro “Como Vencer aos 14”, que conta a trajetória dele. Já na faculdade, Victor diz que não encontrou resistência nem sofreu preconceito pela idade. “Não perdi nenhuma disciplina, muito pelo contrário, até adiantei um pouco. Desde o começo do curso, sempre que podia, eu pegava matéria a mais com a intenção de ficar mais tranquilo lá na frente”, conta.

Agora, ele está escrevendo um livro intitulado “O Médico Mais Jovem do Brasil”, em que pretende contar sua trajetória no ensino superior. “Falo das dificuldades, dou detalhes do curso de medicina que as pessoas não sabem e também faço minhas críticas para a melhoria do curso. Estou procurando uma editora para publicar em breve”, diz.

Sobre a especialidade na carreira, o jovem médico diz que o momento é de focar no combate à covid-19. No momento não posso me dar ao luxo de dar um veredito sobre especialidade. O foco tem que ser combater o coronavírus. Eu quero voltar à linha de frente, desta vez como profissional, para fazer parte dessa luta. Depois vou pensar nisso com calma, mas acredito que vou escolher uma área cirúrgica.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE






Você pode gostar