Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Na Hora H!

Preso traficante que fornecia drogas para alunos da UnB

O homem que não é aluno da UnB estava entregando drogas para eventos de alunos há cerca de 03 meses. Com ele foram apreendidos maconha, skunk e dinheiro em espécie.

Por Tereza Neuberger
[email protected]

Na tarde desta quarta-feira (06), a Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) por meio da 2ª Delegacia de Polícia, prendeu em flagrante um homem que não é um aluno da universidade, no momento em que fornecia drogas na UnB.

De acordo com o delegado chefe da 2ª DP, João Guilherme, através de ação de monitoramento foi possível identificar que o homem realizava a venda e entregava drogas para eventos de alunos da UnB desde fevereiro deste ano.

A prisão ocorreu em local próximo ao ICC Norte da UnB, conhecido por “Minhocão”. Após desembarcar de seu veículo, um Fiat Palio vermelho, o homem foi abordado pela equipe policial e imediatamente tentou fugir, porém foi perseguido e preso em seguida pelas equipes policiais. Com o suspeito foram apreendidas aproximadamente 320 (trezentos e vinte) gramas de maconha prensada e 10 gramas de skunk encontrados na mochila e no carro utilizado pelo suspeito. Também no veículo utilizado pelo homem foram encontrados cerca de R$800 reais em espécie.

Foram apreendidos 320 gramas de maconha prensada, 10 gramas de skunk e cerca de R$800,00 em dinheiro.

Ainda de acordo com o delegado, um grama de skunk chega a ser comercializado ilicitamente por R$ 30,00 reais. “As investigações já apontavam que o autor estava entregando drogas para eventos de alunos da UNB há meses”, destaca João Guilherme. Na Delegacia, o autor confessou que estava vendendo drogas para eventos de alunos da UnB há aproximadamente 03 (três) meses.

Veículo utilizado pelo traficante na distribuição da droga.

Se condenado, o homem pode pegar uma pena de até 25 (vinte e cinco) anos de reclusão pelo crime de tráfico de drogas podendo ser aumentada em razão da comercialização de drogas em estabelecimento de ensino

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE








Você pode gostar