Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Entretenimento

Klara Castanho se manifesta pela primeira vez após carta aberta sobre estupro

Ela também respondeu ao texto de Thalita Rebouças. A escritora disse à amiga que “não soltará de suas mãos”

Por FolhaPress 26/06/2022 3h38

Klara Castanho, 21, usou as redes para agradecer as mensagens de apoio que recebeu de amigos e fãs após divulgar uma carta aberta sobre a sequência de violências e humilhações que sofreu. “Amo você, e não é dessa vida. Obrigada, Taís”, escreveu, como resposta à mensagem de Taís Araujo.

Klara se emocionou com o recado da atriz, que horas antes havia escrito: “Te mandei uma mensagem no privado, mas me achei na obrigação de vir te acolher publicamente, já que a violência que sofreu e a sua dor tornaram-se públicas sem que fosse um desejo seu, sem que fosse garantido o seu direito à privacidade. Te conheço desde de criança, conheço sua mãe, sua família e tenho muito respeito e amor por vocês. Se cuide, se proteja e se preserve. Todo meu amor e respeito”.

Ela também respondeu ao texto de Thalita Rebouças. A escritora disse à amiga que “não soltará de suas mãos”, e acrescentou: “Te amo com todo meu coração”. Outro comentário de apoio que Klara Castanho fez questão de agradecer foi de Bruno Mazzeo, que já viveu seu pai nos cinemas. “Obrigada por esse cuidado tão grande. Obrigada!”, escreveu.

Carol Castro, com quem trabalhou em três novelas na TV Globo, foi outra que recebeu mensagem de agradecimento. “Carol, meu amor. Obrigada por estar e sempre ter estado aqui. Te amo. Só te amo mil vezes”, deixou registrado.

“Se o Brasil fosse um país sério, as pessoas envolvidas nessa tripla violência estariam presas agora! Meia dúzia de Klarinha Castanho entre os que mandam no Brasil e a gente era outro país. Todo meu amor pra você e todas as mulheres do mundo”, postou a atriz e comediante Dadá Coelho. “Te amo, Dadá. Te amo”, respondeu Klara, que ainda curtiu e publicou emojis de coração em outras postagens.








Você pode gostar