Siga o Jornal de Brasília

Cidades

Homem morre por mata-leão

Crime bárbaro envolve filho e namorado de mulher agredida

Um homem matou o namorado da mãe para defendê-la das agressões do companheiro na noite desta terça-feira (21/05). O crime aconteceu por volta das 18h, na quadra 02, no Paranoá.

O que começou como uma ocorrência de violência doméstica,acabou em morte, após Breno Viana Cardoso, de 21 anos, aplicar um mata-leão em
 Edson Alves dos Santos, 35, que não resistiu e morreu no local. A polícia militar chegou ao local e encontrou o corpo já sem vida. Segundo as autoridades, a mulher já tinha uma medida de proteção contra o namorado.

Ao chegar em casa, Breno se deparou com o homem acertando a cabeça de sua mãe por duas vezes. O rapaz então imobilizou o agressor e disse que o seguraria até a chegada da polícia.

Edson reagiu tentando se soltar, sem sucesso. Enquanto o filho continuava apertando, a mulher sentou em cima do homem. Foi quando Breno pegou um cadarço para amarrar Edson e percebeu que o homem já estava morto.

A 6ªDP ficou responsável pelas investigações após mãe, filho e testemunhas serem encaminhado. Segundo a mulher, Edson era alcoólatra e teria se alterado porque ela pediu para que ele não consumisse bebidas na casa dela. Os dois estavam separados, pois o homem estava preso em virtude de condenações por violência doméstica.

Publicidade
Publicidade
  • CHARGE DO DIA