Menu
Brasília

Trio é preso e um criminoso é morto após troca de tiros e perseguição na QNL em Taguatinga

Durante a ação, os suspeitos dispararam contra a guarnição e ameaçaram matar uma senhora

João Victor Rodrigues

06/06/2024 7h08

Imagem cedida ao Jornal de Brasília

Na QNL 17/19 de Taguatinga, uma suposta cobrança de dívida de drogas resultou em três detidos e um criminoso morto. A Polícia Militar (PMDF) interceptou quatro indivíduos em um veículo a caminho da casa de um devedor. A corporação afirmou que os autores reagiram com tiros contra as equipes. Um dos suspeitos, de 20 anos, foi atingido por tiros na troca de tiros e faleceu.

O indivíduo que seria considerado devedor teria acionado a Polícia Militar por telefone. Os PMs ordenaram que os suspeitos parassem o carro. Uma perseguição policial começou.

A PM relatou que durante a ação, os suspeitos dispararam contra a guarnição e ameaçaram matar uma senhora.

Os policiais dispararam contra o grupo e Ruan Pablo Santos de Lima foi alvejado. Embora ele tenha sido socorrido e encaminhado ao pronto-socorro do Hospital Regional de Taguatinga, não conseguiu resistir aos ferimentos.

Os outros três indivíduos que estavam no veículo também foram presos. Eles carregavam uma arma de fogo de calibre.38 que tinha seis munições no tambor, sendo duas deflagradas e quatro intactas. Foi encontrado um adicional de duas munições no assoalho do veículo, uma deflagrada e outra intacta.

    Você também pode gostar

    Assine nossa newsletter e
    mantenha-se bem informado