Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Brasília

Reforma da DF-463 vai beneficiar mais de 30 mil motoristas

Além desta, que está em andamento, o GDF entregou trecho da duplicação da DF-140 e se prepara para lançar a obra do viaduto do Jardim Botânico

Foto: Renato Alves/Agência Brasília

A DF-463, principal via de ligação entre São Sebastião e Plano Piloto, será reformada. As mudanças devem afetar positivamente cerca de 30 mil motoristas.

O investimento na obra é de R$ 6,4 milhões, com a previsão de gerar 70 empregos, e a recuperação de toda a via com extensão de 3,9 km de asfalto.

A restauração do pavimento na DF-463 será entre São Sebastião e o entroncamento com a Estrada Parque Contorno DF-001 (EPCT), na subida de São Sebastião para o Plano Piloto.

A autorização para a obra foi dada nesta sexta-feira (13) pelo governador Ibaneis Rocha.

“Estamos lançando hoje duas obras importantes para a região, que ficou abandonada durante muitos anos. A recuperação da DF-463 e a pavimentação da rua Caminho da Mata. Para a próxima semana teremos o lançamento da licitação do Viaduto do Jardim Botânico, e depois o viaduto próximo à Ponte JK. Não faremos as duas ao mesmo tempo para não travar a região”, destaca o chefe do Executivo.

Para a obra da DF-463 serão executados serviços de fresagem, reciclagem da base, sinalização, pintura, drenagem e obras complementares. Além de São Sebastião, a via é bastante utilizada por moradores do Jardim Botânico e Jardins Mangueiral, além de outras regiões próximas.

“É mais uma restauração de pavimento que estamos fazendo na cidade, um trabalho preventivo. Com isso, a gente ganha mais vida útil no pavimento. É o mesmo trabalho que fizemos no Jóquei e no Eixão”, detalha o diretor-geral do Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal (DER-DF), Fauzi Nacfur.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Outras obras de mobilidade vêm sendo executadas e planejadas para a região. Em dezembro do ano passado, o governador Ibaneis Rocha autorizou a duplicação da EPCT (DF-001), no trecho entre a DF-027 e a DF-025, em uma área onde há muitos condomínios habitacionais.

Além desta, que está em andamento, o GDF entregou trecho da duplicação da DF-140 e se prepara para lançar a obra do viaduto do Jardim Botânico, na altura do Balão da Escola Superior de Guerra, antiga Escola de Administração Fazendária (Esaf). Investimentos que, somados, ultrapassam os R$ 70 milhões.

“Essa região toda tem recebido grandes obras. A duplicação na região dos condomínios, na DF-001, onde o trânsito está totalmente saturado, é uma duplicação que traz fluidez. Mais para frente, temos duplicação e construção de viaduto na região do Paranoá e Itapoã. Com esse complexo eliminamos um ponto de estrangulamento do trânsito. Também vamos lançar a obra do viaduto do Jardim Botânico, próximo ao Balão da Esaf”, complementa Nacfur.

Pavimentação e drenagem pluvial

O governador Ibaneis Rocha também autorizou a execução de serviços de pavimentação asfáltica e drenagem pluvial em um trecho de cerca de um quilômetro na rua Caminho da Mata, no Jardim Botânico. O serviço terá investimento de R$ 1,8 milhão e será executado pela Novacap.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Essa obra é fundamental para a região, que a solicita há 20 anos. É uma drenagem que não é simples. A população hoje sofre com a chuva. Junto com a pavimentação será feita a arborização, drenagem e colocaremos meio-fio”, explica o diretor-presidente da Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap), Fernando Leite.

Para o administrador do Jardim Botânico, Jânio Rodrigues dos Santos, ao autorizar esses serviços, o GDF atende demandas antigas da região. “Essas obras eram pedidas há mais de 15 anos pela comunidade. Essa recuperação da DF-463 e o asfaltamento do Caminho da Mata são importantíssimas”, afirma.

*Com informações da Agência Brasília

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE








Você pode gostar