Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Brasília

Melione: R$ 110 mil são apreendidos em operação

A maior parte do dinheiro foi encontrada na casa de um dos servidores em maços de dólares e euros em envelopes timbrados da câmara

Por Geovanna Bispo 14/12/2021 9h30

Cerca de R$ 110 mil foram apreendidos pelo Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) na operação Melione, que investiga suposto esquema de “rachadinha” na gabinete do deputado distrital Daniel Donizet (PL).

As equipes estão cumprindo oito mandados entre a própria Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) e outros endereços vinculados ao deputado em Brasília e no Goiás. O objetivo é reunir documentos que comprovem as irregularidades.

A maior parte do dinheiro foi encontrada na casa de um dos servidores em maços de dólares e euros em envelopes timbrados da câmara.

Além da “rachadinha”, ou seja, quando o funcionário devolve parte do salário para o parlamentar, o MPDFT ainda investiga a existência de funcionários fantasmas também no gabinete de Donizet. Segundo as investigações, esses funcionários iam até a CLDF, batiam ponto de presença e iam embora.

As investigações, que se estendem desde 2019, se iniciaram após denúncias sobre os funcionários repassarem parte da remuneração para o parlamentar por meio do chefe de gabinete.

A reportagem tentou contato com a assessoria e com Donizet, mas não obteve resposta.

Veja o vídeo:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE








Você pode gostar