Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Brasília

DF deve abrir pontos de vacinação “alternativos”

Esses pontos deverão ser abertos em lugares em que o trânsito de pessoas é alto, como a Rodoviária e a Feira dos Importados

Por Geovanna Bispo 13/09/2021 4h06
Foto: Agência Brasil

Buscando aqueles que ainda não se vacinaram, a Secretaria de Saúde planeja abrir pontos “alternativos” de vacinação contra a covid-19. De acordo com o subsecretário de Vigilância à Saúde, Divino Valero, esses postos deverão ser montados depois que todos os jovens tiverem se imunizado e a busca ativa por moradores das áreas rurais tiver acabado.

Ainda segundo Valero, esses pontos deverão ser abertos em lugares em que o trânsito de pessoas é alto, como a Rodoviária e a Feira dos Importados.

Até o momento, o grupo com a menor procura foi o de pessoas com idades entre 30 e 34 anos, onde 26,35% do público não buscou os postos. Em segundo lugar está o nicho de 35 a 39 anos, em que 24,78% das pessoas ainda não se imunizaram.

Avanço

Também nesta segunda, o governador do DF, Ibaneis Rocha (MDB), anunciou o avanço no plano de imunização. A partir de quarta-feira (15), jovens de 14 e 15 anos sem comorbidades poderão procurar os pontos de vacinação.

De acordo com Valero, o Distrito Federal recebeu 77.220 doses da Pfizer para primeiras doses hoje, o que, se somado as doses já distribuídas nos postos, somaria cerca de 104 mil vacinas. Segundo a Codeplan, o grupo soma cerca de 90 mil adolescentes.

A última atualização ocorreu na última sexta-feira (10), quando jovens de 16 anos puderam se vacinar. Dessas, 11,1 mil pessoas do grupo já foram imunizadas.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE








Você pode gostar