Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Brasília

Cidade da Segurança Pública chega em Samambaia

A estrutura do projeto, que durará cinco dias, será colocada junto à Feira Permanente de Samambaia, localizada na quadra 202 norte

Por Geovanna Bispo 27/07/2021 5h29

O projeto Cidade da Segurança Pública (CSP), que visa a redução dos índices de criminalidade e realização de ações sociais, deve desembarcar em Samambaia na próxima quarta-feira (28), com lançamento previsto para às 9h. O programa, da Secretaria de Segurança Pública, faz parte do projeto DF Mais Segura, e conta com a participação das forças de segurança.

A estrutura do projeto, que durará cinco dias, será colocada junto à Feira Permanente de Samambaia, localizada na quadra 202 norte, mas a atuação será em toda cidade. “Este formato itinerante e pontual, ou seja, atuando por um período de média de cinco dias, nos permite realizar o projeto em um maior número de cidades, independente de outras ações de Segurança Pública. Esperamos, com isso, dar um atendimento cada vez mais individualizado para cada região administrativa, melhorando assim os indicadores criminais e, consequentemente, a qualidade de vida da população”, explica o secretário de Segurança Pública, delegado Júlio Danilo.

Os serviços do projeto serão oferecidos das 9h às 14h, de quarta à sexta-feira (30). No sábado haverá atendimento das 9h às 15h. “O local de realização do projeto foi escolhido com base em critérios estratégicos, como facilidade de acesso e grande circulação de pessoas. De forma mais próxima, poderemos entender melhor as necessidades e demandas dos moradores”, completa o secretário.

No período, o secretário de Segurança, acompanhado de gestores da SSP/DF e dos chefes das forças de segurança, visitarão as sedes dos batalhões e delegacias locais, afirma Danilo. “O objetivo é conhecer de perto o trabalho e a realidade dos agentes de Segurança Pública que atuam na linha frente e, a partir dessa aproximação e troca de experiências, elaborar e ajustar políticas de segurança de forma ainda mais precisa para a localidade. Esperamos dar um atendimento cada vez mais individualizado para cada região administrativa”.

De acordo com o secretário, serão realizadas ações em vários pontos de Samambaia, principalmente nos locais com maior incidência criminal. “A atuação será de forma integrada e coordenada com todos os órgãos, por meio de ações preventivas e repressivas, aliadas a políticas públicas e sociais, para obtermos resultados mais efetivos no enfrentamento à criminalidade, impactando diretamente na segurança da região”.

Dados

O DF tem se destacado nacionalmente pelas reduções criminais que vem alcançando. Na última semana foi destaque nacional, de acordo com o Anuário Brasileiro de Segurança Pública, divulgado pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP). Segundo o estudo, em 2020, a taxa de homicídios caiu 13,4%, comparado com o ano anterior, 2019. A marca vai na contramão do país, que obteve aumento de 5,6%, como assegura o secretário. “Estamos mantendo a redução, alcançando recorde atrás de recorde. Ao mesmo tempo, precisamos buscar alternativas para que o decréscimo dos dados permaneça. Por isso, temos realizado ações por meio do DF Mais Seguro, como é o caso da CSP”.

Escolha da região

Os critérios para realização da CSP dependem da estrutura das forças de segurança locais, levantamentos e análises criminais feitas pelos setores de estatística e inteligência. O perfil socioeconômico da região, a densidade populacional e o mapeamento de desordens também são aferidos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Operações

Até o próximo sábado (31), estão previstas operações de combate à criminalidade, como a Quinto Mandamento, que terá a edição de aniversário de um ano na cidade. “Será uma edição especial, preparada para Samambaia. O objetivo é marcar o primeiro ano dessa operação criada para redução dos homicídios no DF, mas que vem apresentando dados de redução de outros crimes, como contra o patrimônio”, explica o secretário Executivo de Segurança Pública, delegado Milton Neves.

Outra ação prevista é a DF Livre das Carcaças, que ocorrerá a partir de levantamento prévio para identificação de desordens, entre elas carros abandonados nas ruas. O estudo, que é realizado pela Unidade de Políticas Públicas (UPP), da SSP/DF, foi feito previamente para nortear ações, como obras, reparos e melhorias que impactam diretamente na sensação de segurança da população local. “Vamos realizar mais uma edição da DF Livre de Carcaças em Samambaia, durante a Cidade da Segurança Pública. Mas esta não é a primeira vez que atuamos na região. Desde que a ação foi iniciada, em fevereiro de 2020, já retiramos 90 carros abandonados das ruas da cidade e mais de 650 de todo DF”, pontua o coordenador dos Conselhos de Segurança, da SSP/DF, Marcelo Batista.

Aproximação com agentes de segurança locais

Além da aproximação com a população, o objetivo da Cidade da Segurança é criar um canal direto de interlocução com os servidores das forças de segurança locais.

Para o diretor-geral da PCDF, delegado Robson Cândido, a iniciativa é muito importante por promover a integração das forças de segurança e reforçar ainda mais a aproximação com a sociedade. “A PCDF mais uma vez estará presente na Cidade da Segurança oferecendo serviços sociais da instituição ao cidadão, como identidade solidária, Museu Itinerante de Drogas e DEAM Móvel. Certamente, esta é uma ocasião propícia para nos aproximarmos da população local e mostrar que a PCDF e demais forças estão empenhadas em garantir a paz social. Não poderia deixar de ressaltar a importância dessa ação da SSP, em parceria com as forças de segurança, para o êxito do projeto comum, que é combater a criminalidade e garantir dignidade aos moradores de Samambaia”.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O comandante-geral em exercício da PMDF, coronel Hércules Freitas, avalia que é indispensável a integração do sistema de segurança e a participação popular para o desenvolvimento de ações com resultados eficientes. “A Polícia Militar está sempre pronta para atuar nas ações de Segurança Pública. Nesta semana nossos esforços serão direcionados para Samambaia, sem deixar de lado o policiamento nas demais regiões do DF. Vamos atuar de forma integrada com os demais órgãos, com nosso policiamento ordinário e tropas especializadas, e alinhados às necessidades da população”.

Bombeiros

A proximidade com a população e a atuação conjunta da Segurança em um único local, com esforços concentrados e direcionados pode ser primordial para o direcionamento de ações específicas, como afirma o comandante-geral do CBMDF, coronel Willian Bomfim. “Essa interação é muito importante – tanto com a população, como com os órgãos envolvidos – pois, desta forma, será possível receber com maior facilidade o retorno das ações realizadas e promover os aperfeiçoamentos necessários para a população local”.

O comandante explica, ainda, sobre as especificidades da região. “Samambaia é muito interessante, do ponto de vista estratégico e operacional do CBMDF pois, além de ser limítrofe com outras regiões, possui ainda três batalhões, sendo cada para atender demandas específicas e em pontos estratégicos, o que contribui para reduzir o tempo de resposta das ocorrências”.

Trânsito

As ações de trânsito serão intensificadas, com ação conjunta do Detran-DF, Departamento de Estradas de Rodagem (DER/DF), batalhões de trânsito da PMDF e Polícia Rodoviária Federal (PRF), por conta da proximidade de Planaltina com a rodovia federal BR-060.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Reforço no policiamento

As ações de policiamento serão reforçadas em Samambaia já a partir desta segunda-feira (23). A Polícia Civil reforçará o efetivo das delegacias e fará diversas ações integradas. O Departamento Operacional (DOP), da PMDF, empregará tropas especializadas, como os batalhões de Policiamento com Cães (BPCães), de Aviação (Bavop), de Operações Especiais (Bope), Comando de Policiamento de Trânsito (CPTran), Rondas Ostensivas Táticas Motorizadas (Rotam), Patrulhamento Tático Móvel (Patamo) e RPMon.

“Estaremos atuando focados nas manchas criminais, com foco na apreensão de drogas e prisão de foragidos da justiça, bem como no policiamento comunitário, interagindo com a comunidade. O trabalho dos policiais será baseado em com maior incidência criminal, com base em análises de dados produzidos pela SSP/DF e pela corporação”,”, explica o chefe do Departamento Operacional (DOP) da PMDF, coronel Naime.

Fiscalização de sentenciados

A Secretaria de Administração Penitenciária (Seape), por meio da Gerência de Fiscalização de Custodiados (GEFIC), irá intensificar a fiscalização de imposições penais de sentenciados, como aqueles que cumprem regime aberto, prisão domiciliar ou livramento condicional, semiaberto beneficiados com trabalho externo. Aqueles beneficiados com saídas quinzenais ou temporárias e residam ou trabalhem na região administrativa também serão fiscalizados pelos policiais penais.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O Centro Integrado de Monitoração Eletrônica (CIME), que realiza o monitoramento e atendimentos aos acionamentos de descumprimento judicial de medidas protetivas de violência doméstica ou por rompimentos das tornozeleiras eletrônicas, também integra a ação. As viaturas farão diuturnamente de forma preventiva.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“A Polícia Penal do DF está cada vez mais presente em operações integradas de segurança, realizadas pela SSP/DF. Atualmente, nossa Gerência de Fiscalização trabalha de forma integrada com o Cime e o resultado se mostra bastante satisfatório”, ressalta o secretário de Administração Penitenciária, Geraldo Nugoli.

Ações sociais e serviços

Durante a semana serão realizadas ações voltadas para o atendimento ao público e promoção da cidadania, como emissão de carteiras de identidade, visitas ao Museu de Drogas da PCDF, DEAM Móvel com palestras e orientações sobre violência doméstica, e palestra com orientações de primeiros socorros.

De acordo com o subsecretário de Prevenção à Criminalidade, Sávio Ferreira, a Cidade da Segurança Pública possibilitará a oferta de serviços, atividades educativas e lúdicas, bem como a promoção da cidadania à comunidade de Samambaia nos dias em que a estrutura estará à disposição dos cidadãos. “A SSP/DF tem atuado de forma integrada e buscando cada vez mais parcerias para levar serviços à comunidade, além de promover a aproximação com os mais vulneráveis, estreitando laços e contribuindo para a melhoria da qualidade de vida na comunidade”.

Haverá, ainda, exposição de equipamentos e viaturas das forças de segurança, orientações sobre perigos quanto ao uso de entorpecentes por meio do Proerd e apresentações do teatro Lobo Guará, da PMDF, apresentações e orientações sobre trânsito pelo Detran/DF.

A Secretaria da Mulher irá disponibilizar a Unidade Móvel e promoverá rodas de conversas sobre direitos e promoção das mulheres, além de palestras sobre combate à violência de gênero. O Posto de Atendimento BRB e a Serviços Neoenergia BSB também estarão presentes. Serão emitidas a segunda via de contas, religação de energia e cadastro para tarifa social.

O Serviço de Limpeza Urbana do Distrito Federal (SLU) promoverá intensificação da coleta convencional nas quadras específicas, a catação em diversas áreas da Samambaia e a intensificação da remoção mecanizada de entulhos em todos os dias da CSP em Samambaia.






Você pode gostar