Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Brasília

Barragem no Paranoá tem risco de alagamento, diz Defesa Civil

O motivo do aviso é a abertura de 40 centímetros das comportas da barragem. Até o fim da noite de ontem, 11, 10 centímetro já tinham sido abertos

Foto: Agência Brasília

Um alerta de risco de alagamento de uma barragem do Lago Paranoá foi emitido pela Defesa Civil do Distrito Federal (DCDF), nesta quarta-feira, 12. O motivo do aviso é a abertura de 40 centímetros das comportas da barragem. Até o fim da noite de ontem, 11, 10 centímetro já tinham sido abertos.

O órgão recomendou que os moradores evitem as margens do rio abaixo da barragem. O site da Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento do Distrito Federal (Adasa), informou que o nível do reservatório do Descoberto e de Santa Maria estão em 97,8% e 94,5%, respectivamente.

A causa da abertura das comportas é o nível exorbitante de chuvas que atingem a capital federal nesta época do ano. Nesta terça-feira, 11, um alerta laranja foi emitido pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), em relação ao perigo dos temporais.

A abertura das comportas trata-se de um trabalho preventivo e contínuo para manter o nível da cota do Lago Paranoá. “Nós fazemos isso de forma bastante preventiva para que o volume não seja excessivo e não prejudique as outras atividades naturais do Lago Paranoá e do Rio Paranoá”, explica o diretor-geral da CEB Geração, Eduardo Roriz

Além do alerta de segurança em relação à barragem. O período chuvoso também coloca em cheque a segurança no volante, visto que chuvas são um agravante de perigo para quem dirige. Confira os cuidados necessários:

  • Revise pneus, freios, limpadores e faróis do veículo;
  • Mantenha os pneus calibrados;
  • Evite freadas ou mudanças bruscas para evitar a aquaplanagem, quando os pneus perdem o contato com o asfalto;
  • Para ter melhor visibilidade, use o ar-condicionado e o desembaçador elétrico traseiro, ou abra um pouco os vidros para deixar o ar circular pelo carro;
  • Reduza a velocidade e mantenha maior distância do veículo da frente;
  • Se houver pouca visibilidade em função de chuva ou neblina, pare em um local seguro e espere as condições do tempo melhorarem;
  • Utilize sempre a luz de seta para indicar mudança de direção.

*Ligue para 199 em caso de alagamento.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE








Você pode gostar