fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Torcida

Klopp elogia Flamengo e Jesus antes de final

“São rápidos, criativos no meio de campo, abusados nas laterais e chutam a gol de tudo que é lugar. É assim que um time de sucesso joga”

Avatar

Publicado

em

Foto: Karim Jaafar/ AFP
PUBLICIDADE

Na véspera da decisão do Mundial de Clubes, o técnico do Liverpool, Jürgen Klopp, fez elogios ao Flamengo e seu treinador, Jorge Jesus. Em entrevista coletiva, ele apontou várias virtudes dos oponentes, pelas diferentes alternativas de jogo, especialmente no setor ofensivo.

Klopp também lembrou que o Flamengo pouco perdeu sob o comando de Jesus – são 38 jogos, com apenas três derrotas, o que rendeu as conquistas dos títulos do Campeonato Brasileiro e da Copa Libertadores. E destacou o desafio de encarar pela primeira vez um clube do futebol do Brasil.

“São rápidos, criativos no meio de campo, abusados nas laterais e chutam a gol de tudo que é lugar. É assim que um time de sucesso joga. E não estão mais acostumados a perder, pois quase não perderam muito desde que Jorge Jesus chegou. É o que sabemos sobre o Flamengo. Nunca joguei contra um time brasileiro, mas o Flamengo nunca jogou contra um time como o Liverpool, então estou ansioso para saber como será”, afirmou.

Mais uma vez questionado sobre a importância que os clubes europeus dão ao Mundial de Clubes, especialmente na comparação com a Liga dos Campeões, Klopp deixou claro o desejo do Liverpool de ser campeão mundial. E destacou que o time já enfrentou dificuldades nas semifinais, diante do Monterrey, vencida com um gol nos acréscimos, na última quarta-feira.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Estamos aqui e nós queremos ganhar a competição, mesmo sabendo que vai ser muito difícil porque o nosso oponente é muito bom. Eu quero mudar o ponto de vista de que vencer na Europa é melhor O torcedor do Liverpool quer que a gente vença. Você viu como o Monterrey lutou na partida, quanto insistiu e amanhã vai ser maior. Para nós é especialíssimo”, disse.

Ao contrário do confronto com o time mexicano, quando escalou um time misto, Klopp deverá colocar em campo o que tem de melhor à disposição, exceto por jogadores que estão lesionados e nem viajaram ao Mundial, como Fabinho, Lovren e Matip. Outra ausência deve ser a de Wijnaldum, que não treinou nesta sexta-feira.

Já Van Dijk foi ao campo e deverá encarar o Flamengo, embora sua escalação não tenha sido confirmada por Klopp. “Virgil treinou hoje e vamos ver como estará. Não houve nada novo sobre lesão. Estamos aproveitando todo o tempo para nos recuperar e descansar”, comentou.

Após derrotarem Al Hilal e Monterrey, respectivamente, Flamengo e Liverpool vão se enfrentar neste sábado, às 14h30 (horário de Brasília), na decisão do Mundial de Clubes. O jogo será disputado no Estádio Internacional Khalifa, em Doha.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Estadão Conteúdo


Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade