Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Torcida

Jogador do Minnesota é suspenso por 12 jogos após fazer ameaça armado

A polícia encontrou armas e maconha na casa de Beasley, em Plymouth (EUA), após obter um mandado de busca e apreensão

Foto: reprodução/Twitter

São Paulo, SP

O jogador do Minnesota Timberwolves Malik Beasley recebeu 12 jogos de suspensão por ter ameaçado uma família com uma arma em setembro de 2020. Na ocasião, ele chegou a ser detido por posse de arma e drogas.
A informação foi divulgada nesta sexta-feira (26) pela NBA (liga americana de basquete), que informou que Beasley não receberá salários durante a suspensão.


“O armador do Minnesota Timberwolves Malik Beasley foi suspenso por 12 jogos sem pagamento por se declarar culpado de uma acusação de crime de ameaça de violência com o propósito de aterrorizar outra pessoa, violando a lei do Estado de Minnesota. Beasley começará a cumprir sua suspensão no sábado, 27 de fevereiro, quando os Timberwolves visitarem o Washington Wizards”, informou a NBA.


De acordo com a polícia, o atleta chegou a apontar uma arma para uma pessoa antes de ser contido pelas autoridades. A polícia encontrou armas e maconha na casa de Beasley, em Plymouth (EUA), após obter um mandado de busca e apreensão.


Beasley se declarou culpado e foi condenado a 120 dias de prisão. O juiz concordou com o pedido da defesa de que ele cumpra o tempo após a temporada da NBA.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


“Vou aproveitar esse tempo para refletir sobre minhas decisões. Peço desculpas a todos os grandes fãs que me apoiaram durante este momento difícil e prometo que voltarei muito em breve como uma pessoa e jogador melhor”, declarou o jogador em um comunicado.


Beasley poderá retornar às quadras no dia 27 de março, na partida contra o Houston Rockets.

As informações são da Folhapress

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE






Você pode gostar