Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Política & Poder

Grupo de empresários faz abaixo-assinado por Simone Tebet no Planalto

Além de assinar, é possível compartilhar o abaixo-assinado nas redes sociais e contribuir com R$ 50 para a “petição a conseguir mais apoiadores”

Por FolhaPress 25/05/2022 9h32
Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado

Ana Paula Branco
São Paulo, SP

Um abaixo-assinado a favor da candidatura de Simone Tebet (MDB) ao Planalto está perto de atingir 4.000 assinaturas nesta quarta-feira (25). Entres os signatários, destacam-se os nomes dos economistas Arminio Fraga, Eliana Cardoso e Affonso Celso Pastore -já citado por Sergio Moro como seu principal conselheiro para a disputa presidencial.

Os ex-presidentes do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) Andrea Calabi e Maria Silva Bastos Marque e Philippe Reichstul, ex-presidente da Petrobras, também assinam a petição ao lado de empresários como Wolff Klabin, presidente do conselho de administração da Klabin.

“Os brasileiros precisam entregar o comando do Poder Executivo, a partir do próximo ano, a uma liderança enérgica e pacificadora, dotada de credibilidade”, afirma o texto publicado no site Change.org.
Criado há menos de uma semana pela ambientalista Teresa Cristina Ralston Bracher, mulher do ex-presidente do Itaú Candido Botelho Bracher, o documento afirma que Tebet é “uma excelente alternativa” para “unir o país em torno de um verdadeiro projeto de nação”.

Além de assinar, é possível compartilhar o abaixo-assinado nas redes sociais e contribuir com R$ 50 para a “petição a conseguir mais apoiadores”.

Pré-candidata do MDB à Presidência da República, a senadora Simone Tebet se tornou o nome do grupo de partidos da chamada terceira via. Nesta quarta, ela disse que não tem dúvidas de que o PSDB vai apoiá-la, após João Doria (PSDB) desistir de se candidatar.

Confira abaixo a íntegra do abaixo-assinado:

“Quem quer que assuma a Presidência da República no dia 1º de janeiro de 2023 terá pela frente um enorme desafio: unir o país em torno de um verdadeiro projeto de nação, orientado pela prosperidade e a inclusão social.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Isso significa que os brasileiros precisam entregar o comando do Poder Executivo, a partir do próximo ano, a uma liderança enérgica e pacificadora, dotada de credibilidade, de experiência na gestão pública e no Parlamento, atenta e sensível às demandas da população, em especial da mais vulnerável, e à defesa do meio ambiente.

É especialmente importante colocar ao alcance dos brasileiros alternativas que atendam a estes requisitos.

Alternativas são essenciais porque forçam o debate, a comparação de propostas, a análise de trajetórias de vida.

Neste contexto é muito positivo o aparecimento de uma excelente alternativa para a consideração dos brasileiros: uma mulher, a senadora Simone Tebet.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Além de exibir todos os atributos elencados acima, destaca-se por seu espírito cívico e sua capacidade de conciliação.

Ela tem, sem dúvida, o que nos une a todos: um amor incondicional ao Brasil.”








Você pode gostar