Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Política & Poder

Bolsonaro diz esperar aprovação da PEC no Senado sem mudanças

O chefe do Executivo lembrou que, com a aprovação da PEC, sobra espaço fiscal para “fazer outras coisas também”

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quarta-feira que a ideia do governo é manter o pagamento de precatórios dentro do teto de gastos. Na chegada ao Palácio do Planalto após receber uma medalha de honra no Congresso, o chefe do Executivo ainda disse esperar a aprovação do texto pelo Senado sem alterações.

“Ninguém está propondo isso, ninguém vai propor isso. Os precatórios continuam no teto. Nós só estamos buscando parcelar quem tem para receber mais de 600 mil reais”, declarou Bolsonaro “Estão sendo discutidas outras alterações na PEC no Senado. Eu espero que não altere nada para não ter que voltar para Câmara”, acrescentou o presidente.

O chefe do Executivo lembrou que, com a aprovação da PEC, sobra espaço fiscal para “fazer outras coisas também”, sem detalhar os programas que seriam contemplados com uma possível folga no orçamento.

Bolsonaro ainda voltou a dizer que o parcelamento de precatórios não fere a responsabilidade fiscal e a pedir a governadores que zerem o imposto cobrado sobre o gás.

Estadão Conteúdo

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE








Você pode gostar