Menu
Charges

Combustível e gás de cozinha: a dupla dinâmica do aumento está de volta!”

Imagina só a cena: você está lá, tranquilo, abastecendo o carro, quando de repente a bomba de combustível, com aumento estampado, se aproxima e solta um “E aí, cara? Quanto tempo!”

Redação Jornal de Brasília

08/07/2024 18h55

Hoje foi anunciado que a Petrobras decidiu dar um reajuste nos preços da gasolina e do gás de cozinha. Parece que o aumento chegou com aquele jeitinho brasileiro de surpreender, não é mesmo?

Imagina só a cena: você está lá, tranquilo, abastecendo o carro, quando de repente a bomba de combustível, com aumento estampado, se aproxima e solta um “E aí, cara? Quanto tempo! Pois é, os tempos são de alta nas cotações internacionais do petróleo e a desvalorização do câmbio nos fez dar o ar da graça novamente.”

E não para por aí. Lá em casa, o aumeno no gás de botijão, que você achou que estava fazendo um intervalo na academia, também aparece todo faceiro. “E aí, meu parceiro de cozinha? Achou que não voltaríamos, né? Achou que eu não ia dar o ar da minha valvulazinha por um tempo, né? Pois é, os preços internacionais estão queimando como meu fogo.”

É, meus amigos, parece que os aumentos estão aí para nos lembrar que até na economia a vida pode ter seus momentos de comédia. A partir de amanhã, preparem-se para pagar um pouquinho mais por cada litro de gasolina e cada botijão de gás. E como sempre, vamos encarar tudo com bom humor, afinal, o brasileiro é especialista em rir até quando o assunto é sério.

    Você também pode gostar

    Assine nossa newsletter e
    mantenha-se bem informado