Menu
Brasília

Líder de organização criminosa é acusado de violência doméstica após ser flagrado agredindo companheira em um prédio em Águas Claras

O caso de violência ocorreu em 17 de março deste ano e foi capturado pelas câmeras de segurança

João Victor Rodrigues

03/07/2024 8h40

líder

Foto: reprodução

Michel de Carvalho Santos, apontado como líder de uma organização criminosa que aplicava golpes em clientes na Cidade do Automóvel e lavava dinheiro com a compra de carros de luxo, também enfrenta acusações de violência doméstica. Ele responde a processos no âmbito da Lei Maria da Penha por agredir sua companheira dentro de um elevador em um prédio de Águas Claras.


O caso de violência ocorreu em 17 de março deste ano e foi capturado pelas câmeras de segurança do prédio. Nas imagens, Michel é visto puxando a vítima pelos cabelos e forçando-a a sair do elevador. No corredor, a agressão continua com Michel desferindo um soco na cabeça da mulher.


Michel de Carvalho Santos já estava sob investigação por liderar uma quadrilha envolvida em fraudes e lavagem de dinheiro na Cidade do Automóvel. A organização criminosa da qual ele é acusado de ser líder enganava dezenas de clientes e utilizava os lucros ilícitos para adquirir veículos de luxo, como forma de lavar o dinheiro obtido ilegalmente.

    Você também pode gostar

    Assine nossa newsletter e
    mantenha-se bem informado