Menu
Brasília

Filósofa Lúcia Helena Galvão ministrará a palestra “Ética como expressão da Justiça” em lançamento de parceria entre a DPDF e a Organização Internacional Nova Acrópole

Evento será realizado quinta-feira (4/7) às 10h, no Auditório do DNIT. As inscrições são limitadas e podem ser realizadas até segunda-feira (1°/7) no portal de eventos da Easjur/DPDF

Redação Jornal de Brasília

10/06/2024 12h23

Foto: Divulgação/DPDF

A filósofa Lúcia Helena Galvão ministrará a palestra “Ética como expressão da Justiça” em lançamento de parceria entre a ‌Defensoria Pública do Distrito Federal (DPDF) e a Organização Internacional Nova Acrópole, instituição dedicada à filosofia, cultura e voluntariado. O evento será realizado quinta-feira , 4 de julho, às 10h, no Auditório do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), localizado no Setor de Autarquia Norte (SAUN), quadra 3, lote A, L2 Norte.

As inscrições são limitadas e podem ser realizadas até segunda-feira, 1° de julho, no portal de eventos da Escola de Assistência Jurídica da DPDF (Easjur/ DPDF). A abertura do encontro contará com a apresentação da Orquestra Filarmônica Juvenil do Programa Criança para o Bem da Nova Acrópole, que atende crianças e jovens em situação de vulnerabilidade social contribuindo com a formação humana, solidária e cidadã dos participantes.

Renomada professora de filosofia, escritora, professora, poetisa e palestrante, Lúcia Helena Galvão é conhecida por suas apresentações inspiradoras e profundas reflexões sobre a vida, o amor e a ética. Destaque no cenário filosófico contemporâneo no Brasil, a filósofa é uma voz influente na disseminação de conhecimento filosófico, oferecendo uma visão profunda e prática da filosofia aplicada à vida cotidiana. Suas palestras são marcadas por uma linguagem clara e envolvente, que torna conceitos filosóficos acessíveis a todos.

A cooperação técnica firmada entre a DPDF e a Nova Acrópole tem como intuito ofertar assistência educativa, prática e filosófica aos cidadãos e ao público interno, por meio da interação em atividades acadêmicas e sociais como palestras, cursos e capacitações presenciais e à distância ministradas na DPDF, na Nova Acrópole e nas comunidades. O objetivo é fortalecer a capacitação cidadã e a formação humana, o desenvolvimento e apoio de projetos sociais e o atendimento integrado junto à sociedade. Além disso, a parceria trará também muitas novidades ao Projeto Conhecer Direito da DPDF, que será lançado no segundo semestre deste ano.

Para o Defensor Público-Geral, Celestino Chupel, a iniciativa inovadora é de grande importância para a oferta de assistência educativa, prática e filosófica aos cidadãos. “A parceria combina a expertise jurídica e a missão de justiça social da DPDF com a abordagem educacional e filosófica da Nova Acrópole, criando projetos multifacetados que beneficiam a comunidade de várias maneiras”, definiu.

O diretor da Escola de Assistência Jurídica da DPDF (Easjur/DPDF), Evenin Ávila, reforçou que a integração dos projetos das instituições será de fundamental importância. “A iniciativa trará novas perspectivas de formação, sobretudo acrescentando conhecimentos sobre princípios, valores e ética na formação de toda a sociedade e, principalmente, dos jovens que estão em formação. A parceria é um momento inspirador para a nossa caminhada”, completou.

Para a diretora voluntária da Nova Acrópole – Sede Águas Claras, Karla Lacombe, ver um órgão, como a Defensoria Pública, interessado na aplicação da filosofia como forma de atingir seus objetivos sociais é algo muito marcante. “Afinal de contas, as mudanças mais profundas na sociedade são obtidas através do aperfeiçoamento do ser humano. E esse é o objetivo fundamental de Nova Acrópole”, explicou. Já a Profa. Lúcia Helena Galvão destaca que “complementar a nossa compreensão da Ética com uma visão filosófica pode ser de grande valor para trazê-la ao cotidiano dos cidadãos”.

Organização Internacional Nova Acrópole

A Nova Acrópole é uma organização internacional filosófica, presente em mais de 50 países há 66 anos, e tem por objetivo desenvolver em cada ser humano aquilo que tem de melhor, por meio da filosofia, da cultura e do voluntariado. Com seu curso de filosofia à maneira clássica adaptado para mais de 30 línguas e sem qualquer distinção de idade, condição social, posição política ou religiosa, tem beneficiado milhares de pessoas que buscam conhecer-se, desenvolver-se e contribuir com a criação de um mundo melhor.

Com informações da DPDF

    Você também pode gostar

    Assine nossa newsletter e
    mantenha-se bem informado