Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Torcida

Neymar, Messi e Mbappé iniciam missão para tornar PSG um dos grandes da Europa

Para isso, o time francês precisa conquistar o título da Liga dos Campeões e o primeiro passo será diante do inexpressivo Club Brugge

Neymar, Lionel Messi e Kylian Mbappé iniciam, nesta quarta-feira, na Bélgica, a missão para tornar o Paris Saint-Germain um dos grandes times da Europa. Para isso, o time francês precisa conquistar o título da Liga dos Campeões e o primeiro passo será diante do inexpressivo Club Brugge, em duelo válido pelo Grupo A, que conta também com o Manchester City, vice-campeão na temporada passada, e o alemão RB Leipzig.

Apesar de toda a expectativa pelo desempenho do badalado trio, o técnico Mauricio Pochettino preferiu não assumir o favoritismo pela conquista do título, que jamais foi para Paris. “O time a ser batido é o Chelsea, que venceu no ano passado e se reforçou com mais dinheiro do que o PSG. Ainda não somos um time formado, temos de trabalhar para igualar o que fez o Chelsea na temporada passada”, afirmou o treinador argentino.

“É uma competição imprevisível, por isso é a mais atraente de se jogar. É preciso ter sorte para vencê-la. Temos a responsabilidade e a pressão, mas, ao mesmo tempo, a possibilidade de fazer história. Vamos desfrutar da experiência”, acrescentou.

O imenso investimento feito na formação da equipe nos últimos anos só rendeu uma decisão no principal torneio de clubes da Europa, mas o objetivo não foi alcançado há duas temporadas com a derrota na final para o Bayern de Munique. Agora, com Messi, o final da história pode ser diferente.

“Eu o admirava há muito tempo como rival, e tê-lo conosco agora é incrível. Espero que juntos possamos conseguir o que deseja o PSG”, afirmou Pocchetino.

Para o primeiro duelo, o treinador não poderá contar com dois atletas importantes do seu elenco: o volante Verratti, com uma lesão no joelho esquerdo, e o zagueiro Sergio Ramos, com um problema muscular na coxa esquerda. Já Neymar, Messi e Mbappé estão confirmados como titulares.

OUTROS JOGOS

O Grupo B promete ser um dos mais disputados. Na Inglaterra, o Milan, sem Ibrahimovic (lesionado) visita o Liverpool. O técnico Stefano Pioli vai decidir no vestiário o substituto entre Olivier Giroud e Ante Rebic.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

No Liverpool, o técnico Jurgen Klopp não poderá contar com o meio-campista Harvey Elliott, submetido a uma cirurgia no tornozelo para reparar uma fratura e o rompimento de ligamentos, lesões sofridas na vitória por 3 a 0 sobre o Leeds na rodada do fim de semana do Campeonato Inglês.

No outro confronto da chave, o Atlético de Madrid encara o Porto com uma obsessão pelo título comparável ao do PSG, mas sem tanto investimento. Vice duas vezes, o técnico Diego Simeone aposta no poder de seu ataque para alcançar as oitavas. O argentino não quis revelar quem fará dupla com Luis Suárez. João Félix, Antoine Griezmann e Correa são as opções. “O caminho é feito caminhando. Conhecemos a competição e sabemos as dificuldades que teremos devido ao grande equilíbrio do grupo onde vamos competir”, afirmou Simeone.

No San Siro, em Milão, Grupo D, o Real Madrid, dono de 13 taças, vai enfrentar uma renovada Internazionale de Milão, sob a orientação do italiano Carlo Ancelotti, que comandou o time espanhol na conquista do décimo título. O tradicional time entra na disputa sem a mesma força de outros anos, mas aposta no entrosamento de Luka Modric, Vinicius Jr, Karim Benzema e Eden Hazard. Os italianos vão tentar se vingar da eliminação sofrida para os próprios italianos na temporada passada.

Sheriff, da Moldávia, e Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, também fazem parte da chave e, teoricamente, não possuem condições para brigarem por uma vaga nas oitavas de final. Besiktas x Borussia Dortmund e Sporting x Ajax são os duelos previstos para o Grupo C, completando a rodada de abertura da Liga dos Campeões.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Estadão Conteúdo






Você pode gostar