Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Torcida

Medalhista de ouro sul-coreana vira alvo de ataques por corte de cabelo

O estilo, considerado feminista, foi adotado por ela em meio a um cenário de crescente sentimento antifeminista entre os jovens sul-coreanos.

South Korea’s An San competes in the women’s individual eliminations during the Tokyo 2020 Olympic Games at Yumenoshima Park Archery Field in Tokyo on July 29, 2021. (Photo by ADEK BERRY / AFP)

FOLHAPRESS

A atleta An San, 20, da Coreia do Sul, que ganhou duas medalhas de ouro no tiro com arco nas Olimpíadas de Tóquio-2020, foi alvo de ataques nas redes sociais por causa de seu corte de cabelo curto.

O estilo, considerado feminista, foi adotado por ela em meio a um cenário de crescente sentimento antifeminista entre os jovens sul-coreanos.

Durante as disputas no Japão, o técnico dela chegou a sugerir aos repórteres que evitassem perguntas “desnecessárias”, em referência à polêmica.

A própria atleta afirmou que só responderia a questionamentos relacionados às Olimpíadas, cortando a fala de um jornalista sobre os insultos na internet.

Políticos e celebridades da Coreia do Sul postaram mensagens de apoio à atleta. Alguns deles publicaram fotos de cabelos curtos, como An.

Em Tóquio, An ganhou uma medalha de ouro na categoria de equipes mistas e depois outra medalha nas disputas por equipes femininas.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE






Você pode gostar