Menu
Torcida

Garoto brasiliense se destaca no motocross nacional

Henrique Assumpção, de apenas 9 anos, é o único representante do DF em suas categorias no Campeonato Brasileiro de Motocross

Redação Jornal de Brasília

07/03/2024 10h06

O brasiliense Henrique Assumpção desponta como talento promissor no cenário do motocross já aos 9 anos de idade. Competindo nas categorias 50cc (crianças de 4 a 9 anos) e 65cc (crianças de 7 a 12 anos) em campeonatos por todo o Brasil, ele é o único representante brasiliense em suas categorias no Campeonato Brasileiro de Motocross.

 

O garoto iniciou oficialmente sua trajetória competitiva em 2023 e, em seu primeiro ano, conquistou o título de campeão brasiliense de Velocross na categoria 50cc. Agora, ele compete como piloto da Equipe Escuderia, uma das maiores do motocross brasileiro.

Desde os 4 anos de idade, Henrique se aventura no mundo das motos, quando recebeu de presente de seu pai uma pequena, à gasolina, apenas para diversão. Em 2022, viu uma oportunidade quando uma pista de motocross foi reconstruída próximo de sua casa, no Guará II, para sediar duas etapas do Campeonato Goiano de Motocross. Ao descobrir que crianças poderiam competir, não hesitou em expressar seu interesse em participar. Mesmo com uma moto não adequada para competição, ele se inscreveu na categoria 50B (motos de 50cc nacionais). “Eu gosto muito do motocross. É muita adrenalina, é muito legal andar em alta velocidade, dar saltos, eu gosto disso”, diz Henrique.

 

O aguardado início da jornada de Henrique no Campeonato Brasileiro de Motocross está marcado para 16 de março, em São Paulo. No entanto, a emoção começa mais cedo, com a estreia do Campeonato Brasiliense de Motocross, nos dias 8, 9 e 10 de março, no estacionamento do Arena BRB. É uma boa oportunidade para a comunidade local apoiar e se inspirar no jovem talento que orgulhosamente representa o DF. “Minhas expectativas estão boas para essa temporada. Eu treinei muito. Vai ser bom”, enfatiza Henrique.

 

O jovem piloto de motocross é estudante do 4º ano do Ensino Fundamental I no Colégio CIMAN, um de seus apoiadores. Isso reflete a filosofia da escola de cultivar não apenas habilidades acadêmicas, mas também paixões e talentos únicos de cada estudante.

    Você também pode gostar

    Assine nossa newsletter e
    mantenha-se bem informado