Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Eventos

Festival de cultura LGBTQIA+ terá campeonato de futebol na programação

Neste sábado, 2, às 10h, no Arena Futebol Clube, o Festival de Arte, Lazer e Cultura realizado pela agremiação Distrito Futebol Clube recebe etapa regional do campeonato brasileiro de futebol LGBTQIA+

Foto|Divulgação

Neste sábado, 2 de julho, às 10h, o time de futebol Distrito Futebol Clube (DFC) realiza o Festival de Arte e Cultura do DFC, que contará com ações artísticas e de desporto para comunidade LGBTQIA+. O evento, que tem entrada franca, é realizado com fomento da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do GDF (Secec). A Liga Nacional de Futebol LGBTQIA+, a Ligay, é apoiadora do festival, e vai promover dentro da programação do sábado a etapa Centro-Oeste do campeonato.

As atividades serão sediadas no Arena Futebol Clube, em Brasília. O time anfitrião da etapa regional da competição é o DFC, fundado em 2018 por jovens gays do Distrito Federal, jogadores de futebol, interessados em profissionalizar a prática de um esporte que é predominantemente masculino e heterossexual. A Ligay Centro-Oeste será realizada dentro da programação do Festival de Arte, Lazer e Cultura, que é uma iniciativa de promoção de cultura, esporte e lazer de pessoas LGBTQIA+ realizado pela agremiação.

“Nosso objetivo é mostrar que o futebol, um esporte marcado por ser heterossexual, também pode ser praticado por pessoas LGBTQIA+. E nós acreditamos na inclusão para erradicação de preconceitos e discriminações, por isso o DFC inclui pessoas heterossexuais em suas atividades. Aliando ações artísticas às atividades, o festival faz com que essa reivindicação ganhe mais empatia da sociedade de uma forma mais ampla”, esclarece Carlos Eduardo, presidente do DFC.

O Festival de Arte e Cultura do DFC faz parte das ações do projeto Arte, Cultura, Entretenimento e Lazer de Todas as Cores, realizado pela Associação Artística Mapati (AAMA) com fomento da Secec e apoio da Ligay, do Scruff e da LGBT Finance. O projeto realiza ainda este ano três paradas do Orgulho LGBTQIA+ em São Sebastião, Paranoá e Varjão, um projeto de arquitetura da implantação da Galeria Efêmera, Brasília Jazz Festival e ainda o Festival Bocadim.

Além da disputa de futebol, o festival terá no sábado apresentações das drag queens Raykka Rica, Nágila Goldstar e Pikineia, dos DJs Lucas Garrido e Nicolas Magalhães, da Banda Juliana Muller e do Grupo Pileke.

SERVIÇO

Festival de Arte e Cultura do Distrito Futebol Clube (DFC)

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Sábado, 2 de julho, a partir das 10h

Arena Futebol Clube – St. de Clubes Esportivos Sul, Brasília

Entrada franca

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE








Você pode gostar