Menu
Torcida

Argentina vence Equador (1-0) em amistoso antes da Copa América

Ángel Di María (39′) foi o autor do gol da vitória da ‘Albiceleste’, atual campeã mundial e que vai defender o título no torneio continental

Redação Jornal de Brasília

10/06/2024 6h47

FOTO: KAMIL KRZACZYNSKI / AFP

A Argentina venceu o Equador por 1 a 0 em amistoso preparatório para a Copa América disputado neste domingo (9), no estádio Soldier Field, em Chicago (Estados Unidos).

Ángel Di María (39′) foi o autor do gol da vitória da ‘Albiceleste’, atual campeã mundial e que vai defender o título no torneio continental.

Sem Lionel Messi entre os titulares, a seleção argentina começou com mais posse de bola nos primeiros minutos, mas recorria aos lançamentos longos devido à marcação alta do Equador.

O time equatoriano jogou apostando nos contra-ataques, com uma boa atuação de Moisés Caicedo no meio-campo e alguns bons momentos do jovem Kendry Páez, que junto com Minda e Sarmiento tentavam pressionar a saída argentina.

O gol saiu na reta final da primeira etapa, em uma jogada que combinou velocidade e precisão, quando De Paul recebeu na intermediária e passou para “Cuti” Romero, que se livrou de dois marcadores e serviu Di María para bater cruzado e mandar a bola para as redes.

Messi entra no segundo tempo

Messi entrou no início do segundo tempo, como havia prometido o técnico Lionel Scaloni, para ter alguns minutos de jogo na preparação para a Copa América. Do outro lado, o espanhol Félix Sánchez promoveu a entrada do atacante Enner Valencia, do Internacional, para dar volume ao setor ofensivo do time equatoriano.

“Não há necessidade de arriscar, tanto com ele [Messi] como com outros. Hoje outros jogadores não jogaram, como Otamendi. Di María teve seus minutos, Enzo [Fernández] voltou depois da cirurgia. É preciso cuidar deles para que cheguem em ótimas condições”, analisou Scaloni sobre as condições físicas de seus jogadores.

“Estes jogos [amistosos] sempre têm seus riscos, que podem ser as lesões ou os contratempos. Tentamos evitá-los. Em alguns casos, como o de Nahuel Molina, não queríamos arriscar, ele não está 100%”, acrescentou o treinador.

A Argentina teve chances de ampliar, com uma cabeçada de Lautaro Martínez que parou nas mãos do goleiro Hernán Galíndez, que fez outra boa defesa em uma chegada de Enzo Fernández pelo meio com assistência de Messi. Já nos acréscimos, o capitão da seleção do Equador salvou mais uma em lance cara a cara com Nicolás González.

Na próxima sexta-feira, a Argentina enfrenta a Guatemala no último teste antes da Copa América. A ‘Albiceleste’ estreia no torneio continental seis dias depois, contra o Canadá.

Por sua vez, o Equador vai enfrentar Honduras no domingo que vem e, no dia 22 de junho, estreia na Copa América contra a Venezuela.

    Você também pode gostar

    Assine nossa newsletter e
    mantenha-se bem informado