fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Política & Poder

Buscando aproximação, Bolsonaro se reúne com representantes do MDB nesta quarta

Encontro faz parte de uma estratégia para articular uma base de sustentação parlamentar no Congresso Nacional

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

O presidente Jair Bolsonaro reúne-se nesta quarta-feira (22) com membros do MDB, partido com o qual ensaia uma aproximação. Bolsonaro recebe pela tarde, no Planalto, o presidente nacional da legenda, deputado Baleia Rossi (SP), e o líder da maioria no Senado, senador Eduardo Braga (AM). Também participa da reunião o ministro da Secretaria de Governo, Luiz Eduardo Ramos.

O encontro faz parte de uma estratégia para articular uma base de sustentação parlamentar no Congresso. Na semana passada, o presidente se reuniu com membros do Centrão. Agora, além do MDB, Bolsonaro também busca fortalecer as relações com o comando do DEM. Como mostrou o jornal O Estado de S. Paulo, o presidente deve se encontrar nesta quinta-feira com o presidente do partido, ACM Neto.

Hoje Bolsonaro também tem previstas reuniões com os ministros, Bento Albuquerque, de Minas e Energia, e Ernesto Araújo, das Relações Exteriores.

Além disso, apesar de não constar nos compromissos oficiais de Bolsonaro, está prevista na agenda de Paulo Guedes, ministro da Economia, uma reunião com o chefe do Executivo. Também pela manhã o presidente deve se reunir com o vice-presidente Hamilton Mourão.

Críticas à imprensa

Nesta quarta-feira, antes de ir despachar no Planalto, o presidente falou brevemente com apoiadores na saída do Palácio do Alvorada. Para o grupo que o esperava em frente a residência oficial, o presidente disse que não falaria com a imprensa porque, segundo ele, jornalistas “inventam tudo”. Antes ainda chegou a chamar a imprensa de “canalha”, quando respondeu a um apoiador sobre a situação das lotéricas no País.

“Eu tenho parente meu que tem lotérica, mas é pequena. Toda vez que eu falo por lotérica essa imprensa canalha diz que eu estou fazendo pelo meu parente. Não tem nada a ver com isso”, disse.

Estadão Conteúdo




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade