Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Política & Poder

TSE determina exclusão de vídeos de Lula no Piauí após pedido do PDT

A decisão da ministra Maria Claudia Bucchianeri foi tomada em resposta a pedido liminar do PDT, que tem Ciro Gomes como seu candidato presidencial

Por FolhaPress 05/08/2022 7h30
Foto: Evaristo Sa/AFP

Guilherme Seto
São Paulo, SP

O TSE (Tribunal Superior Eleitoral) determinou a exclusão de vídeos publicados pelo PT em suas redes sociais durante a visita do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ao Piauí, na quarta-feira (3).

A decisão da ministra Maria Claudia Bucchianeri foi tomada em resposta a pedido liminar do PDT, que tem Ciro Gomes como seu candidato presidencial. Na representação, o partido aponta que Lula fez pedido explícito de voto, o que configura propaganda eleitoral antecipada.

Em sua decisão, a ministra diz que as mudanças na lei eleitoral nos últimos anos deixaram apenas um núcleo mínimo de proibição, que seria ao pedido explícito de votos, desrespeitado por Lula no Piauí.

“Eu queria pedir para vocês, cada mulher ou cada homem do Piauí que têm disposição de votar em mim, que têm disposição de votar no Wellington [Dias, ex-governador do Piauí pelo PT], eu queria pedir para vocês que no dia 2 de outubro vote em mim, vote no Wellington, mas primeiro vote no Rafael [Fonteles, candidato ao governo do Piauí pelo PT], porque ele vai cuidar do povo do Piauí”, disse Lula no encontro.

Seis vídeos deverão ser excluídos de YouTube, Instagram, Facebook e Twitter, segundo a decisão. Bucchianeri especifica que, caso os trechos em que há pedido explícito de votos sejam apagados, o conteúdo poderá ser republicado.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE








Você pode gostar