Política & Poder

Mourão acredita que o trabalho de Pazuello é “meticuloso” e “competente”

Ministro da Saúde está na mira da PGR por conta do colapso em Manaus-AM. Para Mourão, há muito “disse-me-disse” em torno do caso

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/ Agência Brasil

O vice-presidente Hamilton Mourão acredita que o trabalho do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, é “meticuloso” e “competente”. Mourão fez a avaliação ao responder jornalistas nesta segunda-feira (25).

“Eu, pelo o que tenho acompanhado do trabalho do ministro Pazuello, sei que ele tem feito um trabalho meticuloso e de forma honesta e competente”, declarou o vice-presidente.

A fala de Mourão vem relacionado ao pedido da Procuradoria-Geral da União (STF) ao Supremo Tribunal Federal (STF) para que a conduta de Pazuello em relação ao colapso em Manaus-AM seja avaliada. A PGR quer saber o que o ministro fez para evitar a falta de oxigênio em hospitais; o Ministério da Saúde, inclusive, sabia do problema antes de o colapso ocorrer.

Mourão é a favor da investigação. “Que se investigue e que se chegue à conclusão do que aconteceu na realidade”, afirmou. “Uma vez que existe muito disse-me-disse a respeito disso, acho que a melhor linha de ação é que se chegue à conclusão do que aconteceu.”

Pedido de Aras

Ao pedir que o STF investigue Pazuello, o procurador-geral Augusto Aras cita que Pazuello tinha “dever legal e possibilidade de agir para mitigar os resultados” relacionados à covid-19 no Amazonas.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Para Aras, a postura de Pazuello pode caracterizar “omissão passível de responsabilização cível, administrativa e/ou criminal”. Por isso, é necessário o “aprofundamento das investigações a fim de se obter elementos informativos robustos para a deflagração de eventual ação judicial.”






Você pode gostar