Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Política & Poder

‘Dificilmente vai se formar esse ano’, diz Bolsonaro sobre o Aliança

Bolsonaro também criticou a declaração de Luiz Henrique Mandetta, ex-ministro da Saúde, na CPI da Covid

Por Guilherme Gomes 06/05/2021 1h00
Foto: Marcos Corrêa/PR

Na manhã desta quinta-feira (6), o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) conversou com apoiadores nos arredores do Palácio da Alvorada e criticou a declaração de Luiz Henrique Mandetta, ex-ministro da Saúde, na CPI da Covid.

“O que ele disse de grave foi que o Brasil poderia ter começado a vacinação em novembro”, afirmou Bolsonaro.

O presidente fez um contraponto e disse que a primeira vacina surgiu no dia 8 de dezembro e que o Brasil começou a vacinar em janeiro. “Isso (argumento de Mandetta) não se sustenta”, respondeu Bolsonaro.

Uma das apoiadoras diz: “Presidente, e o Aliança (partido)? Vou me candidatar ano que vem”. Nesse momento, Bolsonaro a interrompe e fala sobre as possibilidades de se integrar a um partido, já que está sem.

“O Aliança no meu entender dificilmente vai se formar esse ano. Estou acertando, na reta final, não posso escolher, é igual casamento”, brincou Bolsonaro

“Era pra acertar em março, não deu certo e tem dois partidos em vista. O PSL foi em cima da hora, tem bons deputados e outros nem tanto”, afirmou Bolsonaro sobre a entrada nos partidos.

As declarações de Bolsonaro nesta quinta-feira (6) foram divulgadas em um canal no Youtube simpático ao presidente.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE






Você pode gostar