Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Política & Poder

Ciro evita debate com sua versão neoliberal criada por André Marinho

Marinho criou o personagem “Ciro neoliberal topetudo” que defende “similitudes” entre o liberalismo econômico e o projeto do pedetista

Por FolhaPress 03/12/2021 12h59
Foto: Agência Brasil

Camila Mattoso
Brasília, DF

O presidenciável Ciro Gomes (PDT) evitou travar um debate com sua versão neoliberal criada pelo humorista André Marinho, ex-Jovem Pan, durante uma live gravada na terça-feira (30) nas redes sociais do pedetista.

Imitando a voz do ex-ministro, Marinho criou o personagem “Ciro neoliberal topetudo” que defende “similitudes” entre o liberalismo econômico e o projeto do pedetista, de defesa de forte atuação estatal.

“Sou o seu alter ego neoliberalóide. Vamos pensar como você vai sair dessa encalacrada. Vai ter que apontar para a direita, fazer uns afagos. O lavajatismo chegou lambendo esse centro de forma brutal”, disse Marinho, imitando a voz do pedetista, que acompanhava aos risos a imitação.

“Atenção Faria Lima! O Ciro 4.0 vem forte dessa vez. Está falando de start up, private equity, internet das coisas, todas essas novidades”, afirmou o personagem.

Por duas vezes, Marinho deu brechas para abrir um debate com o Ciro real, mas o pedetista não respondeu, pedindo imitações dos seus possíveis adversários no ano que vem: Lula (PT), Jair Bolsonaro (PL) e Sergio Moro (Podemos).

“Não tinha uma grande pretensão. Minha função era entreter. Se ele quisesse se engajar no debate, estava pronto para render e entreter na entrevista. Seria até pedagógico para a audiência. Mas respeitei, sem problema nenhum”, diz André, filho do empresário Paulo Marinho, ex-aliado de Bolsonaro.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE








Você pode gostar