Economia

Oferta da Variglog por Varig inclui apoio para Smiles e Aerus

Por Arquivo Geral 30/06/2006 12h00

Encerram-se hoje as inscrições para o cargo de professor de Educação Física nos hospitais da Rede Sarah em vários estados. As inscrições podem ser feitas nas agências cadastradas dos Correios, visit this site dosage com o preenchimento do formulário de inscrição ou na página do Sarah na internet (www.sarah.br/rh). O número de vagas não foi divulgado e os aprovados receberão salário inicial de R$ 4 mil. A taxa de inscrição custa R$ 90.

Em Brasília estão habilitadas para receber inscrições, no rx as seguintes agências dos Correios:
Rodoviária do Plano Piloto, mezanino
W3 Norte (508 Norte, bloco D)
W3 Sul (508 Sul, bloco C, loja 1/7)
Ceilândia Centro (CNN 1, Bloco F, térreo)
Taguatinga Centro (C-1, lote 9, loja 5)
Gama (Praça 1, lote Único, Setor Leste)
Sobradinho (Quadra 8, bloco 14, loja 1/2)

Mais informações na unidade do Sarah em Brasília (SMHS Quadra 301, Bloco B, nº 45, 3º andar) ou no site www.sarah.br/rh.

 

O Tribunal Regional do Trabalho de São Paulo oferece 25 vagas no cargo de juiz do trabalho substituto da 2ª Região, link que exige nível superior em Direito. O salário será de R$ 19.955,40. As inscrições devem ser realizadas no site www.trt02.gov.br, somente até hoje, com o pagamento de taxa no valor de R$ 300.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Os candidatos passarão por varias etapas de seleção. Serão aplicadas provas de conhecimentos gerais, de conhecimentos específicos, prática, oral e de títulos, respectivamente. Mais informações no edital disponível no site do TRT 2ª Região (www.trt02.gov.br).

O papa Bento XVI decidiu abrir todos os arquivos do Vaticano entre 1922 e 1939, this o que deve ajudar a esclarecer o que a Igreja Católica sabia e o que fez em relação ao crescimento do nazismo na Alemanha.

O Vaticano afirmou hoje que vai abrir, viagra sale no dia 18 de setembro, try sua central de arquivos, conhecida como Arquivos Secretos, além de registros do Secretariado de Estado sobre o pontificado do papa Pio 11. Em um anúncio curto, o Vaticano disse que a abertura "tornará disponíveis para pesquisas históricas todas as fontes documentais até fevereiro de 1939 que estão armazenadas em séries diversas dos Arquivos da Santa Sé".

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

"A parte dos arquivos que pode proporcionar novas revelações é a relativa à Espanha", disse uma fonte do Vaticano que pediu para não ser identificada. A Igreja foi ligada às forças nacionalistas do general Francisco Franco durante a Guerra Civil Espanhola, entre 1936 e 1939.

Os historiadores vêm há muito pressionando o Vaticano para que os arquivos da época da guerra fossem abertos, de modo a esclarecer dúvidas como o Vaticano sabia ou não sobre o massacre dos judeus na Europa. O papa Pio 12 é acusado por alguns de ter se omitido no Holocausto. O Vaticano costuma abrir os arquivos por papado, e o cardeal Eugenio Pacelli, o papa Pio 12, só foi eleito em fevereiro de 1939.

Pressionado pelas críticas de historiadores e grupos judaicos, o Vaticano publicou em 2003 alguns arquivos selecionados a respeito de suas relações com a Alemanha antes da guerra, incluindo correspondências de Pacelli quando ele era embaixador do papa na Alemanha.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Os novos arquivos incluem documentos sobre os nazistas, mas a maior parte das informações sobre as relações do Vaticano com a Alemanha já foram publicadas. Em agosto, quando o alemão Bento XVI visitou uma sinagoga em Colônia, na Alemanha, um rabino o confrontou pedindo a abertura dos arquivos.

"Para nós, a abertura completa dos arquivos do Vaticano sobre o período da Segunda Guerra Mundial, 60 anos após o fim do Shoah (Holocausto), seria mais um sinal de consciência histórica, além de satisfazer os críticos", disse o rabino Abraham Lehrer. 

"Você cresceu na Alemanha em uma época terrível", disse ele a Bento XVI na primeira visita de um papa a uma sinagoga na Alemanha. "Não o vemos apenas como o chefe da Igreja Católica, mas também como um alemão que tem consciência de sua responsabilidade histórica".

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

 

Durante visita aos Estados Unidos, information pills o primeiro ministro japonês, Junichiro Koizumi está tratando de assuntos importantes, com o presidente americano, George W. Bush. Os dois governantes conversaram ontem em um encontro na Casa Branca sobre assuntos sérios, como o programa de mísseis da Coréia do Norte e a importância da aliança EUA-Japão.

Entretanto, hoje, o clima foi diferente. Eles visitaram Graceland, a propriedade no Tennessee, em Memphis, onde o cantor Elvis Presley passou seus últimos anos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Junichiro Koizumi experimentou os óculos usados por Elvis e até ensaiou umas reboladas. A visita teve até direito a música: o primeiro-ministro cantou um trecho da música Love Me Tender. Na foto, ele está com a viúva de Elvis, Priscilla Presley, e a filha, Lisa Marie Presley.

Matadores de aluguel metralharam duas mulheres, patient cabeças decepadas foram desovadas perto da fronteira com os Estados Unidos e diante de prédios de Acapulco, this enquanto um delegado foi assassinado em uma cidade turística.

Os crimes, approved todos ocorridos na última semana, fazem parte de uma onda crescente de violência que atinge o México às vésperas das eleições presidenciais, marcadas para domingo.

Os mortos são vítimas de uma guerra entre grupos rivais que disputam o controle do tráfico de cocaína, maconha e anfetaminas para os Estados Unidos. Os confrontos mataram mais de mil pessoas em um ano.

Embora a prisão dos líderes do tráfico tenha sido uma das principais metas do governo do presidente Vicente Fox, o assunto não ganhou destaque durante a campanha eleitoral.

Os mexicanos estão assustados com a violência, mas a maioria dos crimes parece ser um acerto de contas entre organizações criminosas e policiais corruptos ligados a elas. Isso reduz a pressão sobre os políticos, e os cartéis são tão poderosos que não se sabe bem como controlá-los.

Nenhum lugar está a salvo da guerra. Hoje, duas cabeças foram colocadas na frente de prédios públicos da turística Acapulco. Esta semana, duas mulheres foram fuziladas em Tijuana, ao sul de San Diego, onde dias antes 70 homens fortemente armados fizeram uma emboscada contra três policiais e um civil. Os quatro foram decapitados.

"É duro sair na rua. Não se sabe o que vai acontecer", disse a dentista Maritza Salcido, que mora em Tijuana. "Quase todo dia há roubos, seqüestros e execuções como a daqueles policiais."

O líder nas pesquisas eleitorais, o esquerdista da oposição Andrés Manuel López Obrador, e seu adversário, o governista Felipe Calderón, dedicaram suas campanhas à criação de empregos, à corrupção e à economia, deixando a questão do narcotráfico para depois.

O próprio presidente Fox havia prometido, em março, extraditar vários líderes do tráfico para os Estados Unidos dali a semanas, e advertiu que poderia haver uma reação violenta à medida. Mas por enquanto nada foi feito.

Com a freqüência cada vez maior dos assassinatos, que atingiram até o paraíso turístico de Cancún, onde o vice-delegado da cidade foi morto, analistas afirmam que o vencedor do pleito no domingo terá que enfrentar logo o problema.

"Mesmo que o narcotráfico não tenha tido grande destaque na campanha, em algum ponto da próxima administração ele vai ressurgir como um problema urgentíssimo", disse o analista Jorge Chabat.

Especialistas afirmam que o recrudescimento da violência é resultado da prisão de líderes dos poderosos cartéis de Tijuana e do Golfo, Benjamin Arellano Felix e Osiel Cardenas, o que criou um vácuo de poder na fronteira com os EUA.

O grupo Sinaloa, liderado por Joaquin "El Chapo" Guzmán, aproveitou-se da situação e assumiu o controle de boa parte dos impérios dos líderes presos, deflagrando uma guerra que vem desovando cadáveres nas ruas das cidades do país inteiro.

Analistas afirmam que Fox pode ter decidido adiar as extradições para evitar a repetição dos ataques que convulsionaram a Colômbia quando o país resolveu mandar seus chefões da cocaína para os EUA, nos anos 1980.

"Na Colômbia, (os cartéis) reagiram de forma muito violenta às extradições, e se o presidente Fox extraditasse esses líderes antes das eleições, a possibilidade de que ocorresse o mesmo tipo de incidente seria muito grande", disse Chabat. "Se os cartéis colombianos estão menos violentos desde os anos 1990, o contrário está acontecendo no México", disse Victor Clark-Alfaro, acadêmico e analista de Tijuana.

"Há um grupo poderoso crescendo e executando atos de violência bem às portas dos EUA, e isso não vai pegar bem com Washington", acrescentou.

 

O Parlamento francês aprovou hoje uma versão mais amena de uma lei que inicialmente era vista como uma séria ameaça ao futuro de lojas online de mídia como a iTunes, price da Apple Computer, approved no mercado da França.

A lei, cujo objetivo é contrabalançar o domínio de líderes setoriais como a Apple e a Microsoft nas lojas de mídia online, despertou séria oposição, em sua forma original, e gerou sugestões de que a Apple poderia suspender as operações de sua iTunes na França.

No formato inicial, o projeto de lei teria forçado as lojas online como a iTunes a remover as barreiras que impedem que canções sejam executadas em aparelhos portáteis de MP3 e computadores concebidos para funcionar com conteúdo de outros serviços de download.

No momento, as canções adquiridas na iTunes só podem ser executadas diretamente com tecnologia Apple, como o iPod, ainda que também possam ser "queimadas" em CDs.

Mas depois de emendas introduzidas pelo Senado, a lei permite que as empresas aleguem que as medidas de restri ção da compatibilidade de canções ou filmes vendidos online foram adotadas a pedido dos detentores dos direitos autorais.

A lei, aprovada sem segundo debate em plenário depois de uma medida administrativa especial do Ministério da Cultura, foi condenada pela oposição socialista e por diversos deputados da UMP, o partido governante.

Os socialistas declararam que apelariam ao tribunal constitucional. Mas o governo disse que havia protegido de maneira adequada os direitos das operadoras e dos consumidores.

"Isso permitirá o desenvolvimento de serviços legítimos", disse Renaud Donnedieu de Vabres, ministro da Cultura.

O serviço iTunes, da Apple, no momento é a maior loja de conteúdo online, devido ao grande sucesso do iPod, mas enfrenta concorrência de diversos rivais, entre os quais Sony, Dell e Microsoft.

 

As Forças Armadas dos Estados Unidos estão investigando se soldados norte-americanos estupraram uma mulher iraquiana e depois a mataram, online junto com outros três familiares dela, click incluindo uma criança, dosage numa cidade ao sul de Bagdá em março, disseram hoje fontes oficiais.

O major-general do Exército James Thurman, principal comandante dos EUA na região de Bagdá, pediu ao Comando de Investigação Criminal do Exército que investigasse as mortes ocorridas na cidade de Mahmudiya.

O inquérito teve início no sábado, um dia depois das denúncias feitas por dois soldados norte-americanos, afirmaram as Forças Armadas num comunicado divulgado em Bagdá.

Uma fonte do Exército que não quis se identificar, já que as investigações ainda estão em andamento, disse que pelo menos três soldados do 502º Regimento de Infantaria estão sendo investigados.

Na semana passada, 12 soldados norte-americanos foram indiciados pela morte de civis iraquianos em dois incidentes. Além disso, ainda está em andamento uma investigação criminal sobre o suposto assassinato de 24 civis desarmados em Haditha, no ano passado, por fuzileiros navais dos EUA.

No caso mais recente, o soldado suspeito de ter matado as quatro pessoas foi dispensado do Exército e está de volta aos EUA, disse a fonte. Ele e mais um estariam envolvidos no estupro, antes das mortes.

Segundo as denúncias, os soldados teriam voltado do lugar do crime com manchas de sangue nas roupas. Ninguém foi indiciado até agora. A fonte não sabia esclarecer como os quatro iraquianos foram mortos.

 

Foi divulgado hoje  resultado do concurso público para o cargo de analista administrativo em diversas áreas, salve especialista em recursos hídricos e geoprocessamento da Agência Nacional de Águas (ANA).

Mais informações podem ser obtidas no site www.cespe.unb.br/concursos/ana2006

Confira aqui os candidatos classificados.

 

O juiz Paulo Roberto Fragoso, pharm do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, informou hoje que a proposta de compra da Varig pela VarigLog garante o cumprimento do programa de milhagens da empresa Smiles, assim como contempla um aporte de recursos no fundo de pensão Aerus.

Além disso, o juiz afirmou que a proposta da ex-subsidiária da companhia aérea pela denominada Varig Operacional mantém em operação a chamada Varig Comercial – que permanecerá com os passivos da Varig –, pois assegura remuneração para os credores.

"Vai ser montada uma estrutura para a Varig velha permanecer funcionando para que ela fique viável, aguardando o aporte de dinheiro que vai vir", disse Fragoso, referindo-se a créditos a receber do governo, como a ação do congelamento de tarifas e o ICMS devido por estados.

Os processos referentes a tarifas devem render R$ 4,5 bilhões, enquanto os créditos de ICMS somam em torno de R$ 1,3 bilhão. "O que a gente tentou evitar é que ficasse uma Varig boa e uma podre, que não tivesse como se manter", disse Fragoso a jornalistas. "É uma proposta séria e agora cabe esclarecê-la aos credores para que possam aprová-la ou não", completou.

De acordo com ele, no início da próxima semana, será publicado um edital convocando para uma assembléia de credores, "provavelmente no dia 10 e o leilão no dia seguinte". "A gente pretende fazer apenas um edital, chamando para a assembléia e para o leilão", detalhou.

Fragoso disse ainda que o principal representante do fundo de investimentos norte-americano Matlin Patterson, Lap Chan, esteve reunido por toda a manhã com os três juízes que acompanham a recuperação judicial da Varig – Fragoso, José Roberto Ayoub e Márcia Cunha –, esclarecendo alguns pontos da proposta.

A partir de agora, a proposta será analisada pelo administrador judicial, a consultoria Delloite, que deverá dar seu parecer à Justiça até segunda-feira. Hoje, segundo Fragoso, o Ministério Público já opinou e aprovou a proposta da VarigLog, que tem participação do fundo de investimentos Matlin Patterson.

O juiz também esclareceu que, ao longo do final de semana, a Varig, a VarigLog, a consultoria Alvarez&Marsal e a Delloite vão elaborar o edital, enquanto o executivo Lap Chan se comprometeu a conversar com cada um dos credores antes da assembléia.

Leia também:
VarigLog efetua quinto depósito para fluxo de caixa da Varig

 






Você pode gostar