Menu
Economia

Indústria opera 17,8% abaixo do nível recorde alcançado em maio de 2011, afirma IBGE

Na categoria de bens de capital, a produção está 29,7% abaixo do pico registrado em abril de 2013

Redação Jornal de Brasília

03/07/2024 10h21

Foto: Agência Brasil/EBC

Em maio de 2024, a indústria brasileira operava 17,8% aquém do pico alcançado em maio de 2011. Os dados são da Pesquisa Industrial Mensal divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta quarta-feira, 3.

Na categoria de bens de capital, a produção está 29,7% abaixo do pico registrado em abril de 2013, enquanto os bens de consumo duráveis operam 39,3% abaixo do ápice de março de 2011.

Os bens intermediários estão 16,5% aquém do auge de maio de 2011, e os bens semiduráveis e não duráveis operam em nível 11,9% inferior ao pico de junho de 2013.

Revisões

O IBGE revisou o resultado da produção industrial em abril ante março, de uma redução de 0,5% para queda de 0,8%. A taxa de março ante fevereiro foi revista de alta de 0,9% para aumento de 1,1%. O resultado de janeiro ante dezembro passou de redução de 1,2% para queda de 1,1%. Os dados são da Pesquisa Industrial Mensal – Produção Física.

Estadão conteúdo

    Você também pode gostar

    Assine nossa newsletter e
    mantenha-se bem informado