Menu
Economia

ACT será assinado com sindicatos que aprovaram proposta, diz Eletrobras

“A empresa ouviu as demandas dos sindicatos e apresentou inúmeras flexibilizações, atendendo a maior parte delas”

Redação Jornal de Brasília

05/06/2024 15h38

Foto: Pilar Olivares/Reuters

A Eletrobras informou que ainda não tem um posicionamento sobre a possível greve que foi convocada pelos empregados em protesto contra o Acordo Coletivo do Trabalho (ACT) 2024/26. Segundo a companhia, com o resultado das assembleias, o acordo “será prontamente assinado com os sindicatos que aprovaram a proposta e seus direitos e garantias passarão a ter efeitos imediatos”, explicou a Eletrobras em nota

De acordo com a empresa, privatizada em junho de 2022, a proposta de acordo coletivo apresentada aos empregados da Eletrobras foi resultado de uma intensa negociação nos últimos dois meses.

“A empresa ouviu as demandas dos sindicatos e apresentou inúmeras flexibilizações, atendendo a maior parte delas. Entre os avanços negociados pela Eletrobras estão a criação de mecanismos como abono salarial, garantia de emprego ou salário, correção por IPCA e manutenção de salários”, disse a companhia em nota.

Estadão Conteúdo.

    Você também pode gostar

    Assine nossa newsletter e
    mantenha-se bem informado