Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Brasil

Família de menino que pediu comida à PM recebe doações

A polícia vai continuar ajudando a família e vai receber cestas básicas e demais doações de quem quiser ajudar

Por Camila Bairros 04/08/2022 9h33
Foto: Reprodução/TV Globo

Na noite de terça-feira (2), o Miguel, de apenas 11 anos, ligou para a polícia por volta das 20h para pedir socorro. Ele estava com fome, e afirmou que em casa só tinha farinha e fubá. Horas depois, agentes da Polícia Militar de Belo Horizonte apareceram na casa dele com cestas básicas, e logo que a história se espalhou, a rede solidária de doações aumentou.

Desde então, Miguel pode ter em casa refeições completas. E para aumentar a dose de felicidade, ele e os irmãos receberam também diversos brinquedos.

Célia, mãe da criança de 11 anos, está desempregada há cinco anos, e a renda da família – que é formada por ela e os seis filhos – é o Auxílio Brasil. “De vez em quando, o pai da criança manda R$ 250, mas não é sempre”, disse Célia em entrevista, afirmando também que há três semanas não conseguia comprar alimentos.

A polícia vai continuar ajudando a família e disse que quem puder contribuir com cestas básicas e demais doações pode entrar em contato com o Batalhão da PM.








Você pode gostar