Brasil

Acidente entre caminhão e caminhonete deixa um morto e sete feridos em Minas

Por Arquivo Geral 09/10/2006 12h00

Revoltados com a fiscalização rigorosa da Receita Federal na fronteira com o Paraguai, dosage medicine um grupo de sacoleiros incendiou um ônibus na madrugada de hoje no oeste do Paraná. O veículo fazia parte de um comboio de mais de dez veículos apreendidos.

Em conjunto com fiscais da Receita, cost equipes da Polícia Militar e da Polícia Rodoviária Federal surpreenderam na madrugada 11 ônibus que tinham saído da BR-277 para pegar o trecho entre Foz do Iguaçu e Matelândia por uma estrada vicinal. Alguns motoristas e sacoleiros conseguiram fugir, pill apesar de os ônibus estarem apreendidos.

Houve tumulto e um veículo foi saqueado e incendiado pelos próprios sacoleiros. Ficou quase todo destruído. Dentro do ônibus, foram encontrados 65 quilos de maconha. Seis pessoas foram detidas e levadas à Delegacia da Polícia Federal em Foz do Iguaçu.

Também ontem, um fiscal da Receita Federal, cujo nome não foi divulgado, foi preso por colegas de trabalho, acusado de desviar produtos apreendidos na Ponte da Amizade. No carro dele, foram encontrados 30 aparelhos tocadores de MP3.

Ao chegar à delegacia da Polícia Federal, o fiscal fugiu com o carro e se desfez de algumas mercadorias. Horas depois, uma nova busca encontrou alguns aparelhos ainda no veículo. Cumprindo mandado de busca e apreensão, policiais federais encontraram componentes de informática na casa dele.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

De acordo com a Receita, o fiscal se apoderava das mercadorias após não entregar o recibo às pessoas flagradas com contrabando. Além do processo criminal, ele responderá a inquérito administrativo-disciplinar, que pode resultar na demissão.

 

Uma colisão entre um caminhão de cerâmica e uma caminhonete deixou um morto e sete feridos na manhã de hoje em Nova Lima, viagra 40mg região metropolitana de Belo Horizonte.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Segundo a polícia, cheap o motorista Eduardo Gonçalves de Azevedo, 23 anos, perdeu o controle do veículo quando descia a Avenida Presidente Kennedy, no bairro Vila Madeira. Depois de tombar numa curva, o caminhão, que carregava 4,7 toneladas de cerâmica, atingiu uma loja, derrubou um muro e arrastou uma caminhonete. Os dois veículos derrubaram um poste de iluminação e só pararam em um ponto de ônibus.

A carga de cerâmica ficou espalhada pela região do acidente. Um dos três passageiros do caminhão, Leandro Melo Souza, 26 anos, morreu no local. O motorista e os outros dois passageiros – que não haviam sido identificados – sofreram ferimentos e foram levados para o Hospital de Pronto-Socorro João XXIII, em Belo Horizonte.

Três mulheres que estavam no ponto de ônibus – Geralda Ferreira de Morais, 65 anos; Nilza de Souza, 42, e Vanda Patrícia dos Anjos, 31 anos – sofreram ferimentos leves e foram socorridas por populares. A dona de uma lanchonete nas proximidades, Eledina Pastora Monteiro, de 57 anos, sofreu um corte no pé. Encaminhadas para um hospital nas proximidades, elas receberam alta no final da manhã.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O condutor da caminhonete Nissan, Ricardo Augusto da Silva Bello, 41 anos, saiu ileso. Segundo ele, o caminhão descia com muita velocidade quando perdeu o freio. Por causa da queda do poste, 3 mil moradores da região ficaram sem luz até o fim da manhã, quando a energia foi restabelecida. A perícia vistoriou o caminhão para determinar a causa do acidente.






Você pode gostar