Brasil

A cada 30 segundos nasce um bebê com má-formação na China

Por Arquivo Geral 30/10/2007 12h00

A cada 30 segundos nasce um bebê com má-formação na China, patient onde as deformidades genéticas aumentaram 40% desde 2001, visit this site atingindo uma em cada dez famílias, segundo dados oficiais citados hoje pelo jornal “China Daily”.

As crianças que nascem com deficiências passaram de 104,9 para cada 10 mil recém-nascidos há seis anos para 145,5 no ano passado, um aumento relacionado pelas autoridades principalmente aos fatores ambientais.

Jian Fan, subdiretor da Comissão Nacional de População e Planejamento Familiar, afirmou em uma conferência em Chengdu, capital da província de Sichaun (sudeste), que os custos das más-formações chegam a milhões de dólares.

Das quase 20 milhões de crianças nascidas a cada ano na China, entre 800 mil e 1,2 milhão têm alguma má-formação, e cerca de 300 mil – 6% dos nascidos ao ano – sofrem de “deformidades muito visíveis”.

Apenas de 20% a 30% dos atingidos têm alguma possibilidade de tratamento ou cura, enquanto que 40% conviverão com o problema por toda a vida e os demais morrem ao nascer, afirmou o especialista.

Jiang cobrou mais esforço das autoridades centrais e locais para reverter a tendência, “porque ela também atinge o país em sua competitividade internacional, desenvolvimento socioeconômico e a importância de construir uma sociedade em harmonia”.

Os números provam a correlação de bebês com má-formação e fatores do meio ambiente geográfico, ecológico e econômico e níveis de educação e saúde, afirmou na mesma conferência An Huanxiao, diretor de planejamento familiar na província de Shanxi, líder nas estatísticas sobre os casos.

Segundo An, os moradores das áreas montanhosas do norte da província são mais vulneráveis às deformidades genéticas devido à proporção de habitantes em torno de oito grandes minas nacionais de carvão.






Você pode gostar