fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

Homem dormia ao lado da mulher com 262 kg de explosivo embaixo da cama, diz polícia

Ao todo, foram apreendidas 131 unidades de emulsão explosiva encartuchada, popularmente conhecida como banana de dinamite

Avatar

Publicado

em

Foto: Divulgação/Polícia Civil
PUBLICIDADE

A Polícia Civil prendeu um homem, de 26 anos, após encontrar 262 kg de explosivos escondidos embaixo da cama, onde o suspeito dormia com a esposa. Além do acusado, os agentes prenderam a cunhada dele, de 24 anos. O flagrante ocorreu na quarta-feira (16) e eles devem passar por audiência de custódia nesta quinta-feira (17).

Após receber as denúncias anônimas, os investigadores apuraram o crime por 10 dias. Diligências foram realizadas na residência do acusado, onde foi encontrada a carga, que estava embaixo da cama, onde o suspeito dormia com a esposa.

O detonador dos explosivos foi encontrado na cozinha. Ao todo, foram apreendidas 131 unidades de emulsão explosiva encartuchada, popularmente conhecida como banana de dinamite. A carga pesa cerca de 262 kg. Já os rolos de cordel detonador eram tanto de NP5 como NP10, explosivos muito fortes e que estavam escondidos em um armário da cozinha.

Após ser questionado, o suspeito alegou que estaria guardando o material para a cunhada. A mulher também foi interrogada pelo policiais e negou envolvimento com o crime. De acordo com a suspeita, os explosivos estavam sendo guardados a pedido do ex-marido dela. O caso ocorreu em Campo Grande-MS.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Os investigadores descobriram que o material ilícito havia sido roubado da Pedreira São Luiz, em Terenos-MS, no dia 26 de dezembro de 2016. A polícia investiga o caso para saber se os suspeitos têm envolvimento com alguma organização criminosa.

Os investigados devem responder por posse ilegal de artefato explosivo, com pena que varia de 3 a 6 anos de prisão.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade