fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

Homem confessa ter matado companheira a facadas após crise de ciúmes

Suspeito apresentava ferimentos graves no pescoço. As autoridades não sabem se houve luta corporal ou se ele tentou se matar

Avatar

Publicado

em

Foto: Reprodução/Google StreetView
PUBLICIDADE

Uma mulher, de 38 anos, foi morta com golpes de faca no crânio e no pescoço, na madrugada dessa quarta-feira (15). O principal suspeito do crime é o companheiro da vítima. O corpo da mulher foi encontrado, já no final do dia, por um colega de trabalho.

O crime aconteceu em Belo Horizonte e está sendo tratado como um feminicídio. O suspeito, de 31 anos, precisou ser encaminhado para um hospital da região. O homem apresentava ferimentos no pescoço, provocados por um objeto perfurocortante. As autoridades não sabem se houve luta corporal ou se ele tentou se matar.

A vítima trabalhava em uma pizzaria e sempre abria as portas do estabelecimento. Ao chegar para o expediente, o colega de trabalho da mulher estranhou que as portas do estabelecimento ainda estavam fechadas.

Após notar o atraso, o funcionário fez diversas ligações para a casa da vítima. Após várias tentativas, o suspeito atendeu a ligação e afirmou que havia matado a companheira e que “estava ruim”, como relatado na ocorrência.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A Polícia Militar foi acionada e, ao chega na residência, encontraram o corpo da mulher. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) apenas constatou o óbito.

O suspeito afirmou à polícia que o motivo do homicídio foi ciúmes. Ele confessou o crime e afirmou que a mulher teria chegado em casa após o expediente na pizzaria acompanhada por um homem, que a teria trazido de motocicleta e se despedido dela com um beijo.

A perícia recolheu dois celulares na casa e apreendeu a faca. O corpo da vítima foi removido, e o feminicídio está sendo investigado pela policia local.




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade