Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Na Hora H!

Bebê é internada após engolir pedras de crack

Após o ocorrido, os pais foram conduzidos à delegacia da Polícia Civil, mas foram liberados por falta de provas

Foto: Reprodução

Uma bebê de sete meses foi internada em um hospital, após engolir duas pedras de crack. Os entorpecentes seriam do pai, de 20 anos, que foi encaminhado para a delegacia. O caso ocorreu em Divinópolis-MG.

Segundo a Polícia Militar, a criança achou a droga no chão e ingeriu os entorpecentes, na segunda-feira (21). Em seguida, a bebê foi encaminhada ao Hospital João de Deus, localizado em Divinópolis. A assessoria do hospital informou que a família não autorizou passar informações sobre o estado de saúde do bebê.

Após o ocorrido, os pais foram conduzidos à delegacia da Polícia Civil, mas foram liberados por falta de provas. Em seu depoimento, o homem disse que era usuário, mas que a criança havia ingerido apenas resquícios das pedras.

Por meio de nota, a Polícia Civil informou que “instaurou inquérito para investigar possível prática do crime de expor a vida ou a saúde de outrem a perigo, previsto no art. 132 do Código Penal. Os pais da criança foram ouvidos nessa segunda-feira (21/6), e o prontuário de atendimento da criança requisitado à unidade de saúde. Os fatos seguem em apuração na Delegacia Regional de Polícia Civil em Divinópolis”.






Você pode gostar