Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Kátia Flávia

”Eu ficava muito preocupado em ter uma overdose e ser achado morto”, relata Alexandre Frota sobre drogas

Por Kátia Flávia 06/08/2022 12h00
O Deputado Federal afirma que não teve ajuda após ir para o ‘fundo do poço”. (Foto divulgação)

Ele foi sucesso nos anos 80 e até hoje, pessoas que viveram nessa época (que não é meu caso) lembram dele como ator. Em uma entrevista ao Cortes Podcast, o agora Deputado Federal por São Paulo, Alexandre Frota de 58 anos, contou que as drogas o levaram para o ‘fundo do poço’ e ele não teve ajuda para se tratar, teve que tomar a decisão sozinho, após perder família, amigos e bens.

“Eu ficava muito preocupado em ter uma overdose e ser achado morto, igual aconteceu com Chorão. Entendo que eu tinha que parar, tinha que libertar disso. Eu queria viver.”, contou Frota durante a entrevista.

Em outro trecho ela conta que começou atráves da cerveja, do álcool. Ele disse que até pensou em se internar, mas tinha medo. Hoje está longe das drogas há 15 anos. Uma verdadeira superação.








Você pode gostar