Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Kátia Flávia

Bom senso, nosso Thammy saiu do PL por causa de Bolsonaro.

O vereador Thammy Miranda anunciou sua saída do partido liberal após Bolsonaro concluir sua filiação ao partido.

Por Kátia Flávia 01/12/2021 10h00
O vereador Thammy Miranda anunciou sua saída do partido liberal após Bolsonaro concluir sua filiação ao partido. Thammy sai do PL. Foto: Jovem Pan.

O vereador saiu do partido pelo qual foi eleito após aliança da coligação com o Presidente Bolsonaro.

Começamos com uma pergunta simples: Você continuaria em um partido que se alia à uma pessoa com quem você não possui a mesma linha de pensamentos e objetivos? Então, para Thammy Miranda a resposta é não!

Thammy foi o primeiro homem trans eleito para a Câmara de Vereadores de São Paulo e fazia parte do PL, partido do qual Bolsonaro se aliou. O vereador alega que já sofreu ataques pessoais de membros da família de Bolsonaro e que este é um dos motivos de sua saída do partido.

Em um vídeo Thammy declarou: Com a ida do presidente para o Partido Liberal, do qual faço parte, estou dando entrada na minha desfiliação. Eu vou sair do partido. A gente tem ideias diferentes, além de que já sofri ataques pessoais de membros da família do presidente, inclusive contra o meu filho, quando era recém-nascido”.

O vereador ainda completou dizendo: “Eu não entrei para lutar contra políticos, e sim para lutar pela nossa gente. O meu foco é trabalho, representar as pessoas, principalmente as que não eram enxergadas por ninguém. Vou seguir fazendo meu trabalho, sem me preocupar com o partido”.

A atitude de Thammy Miranda é uma questão de bom senso! Sorte sempre!








Você pode gostar