Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Kátia Flávia

Alexia Dechamps sobre caso de elefante que pisoteou mulher de 70 anos: “Sim, foi vingança”

Defensora dos animais postou vídeo de Carol Stein sobre o caso

Por Kátia Flávia 28/06/2022 3h30
Defensora dos animais postou vídeo de Carol Stein sobre o caso

Acredito que todo mundo tenha visto a notícia de que um elefante pisoteou uma senhora de 70 anos e ainda compareceu no enterro da idosa para pisotear de novo e ainda destruiu a vila que ela morava. Alexia Dechamps saiu em defesa do elefante fêmea que teve o filho morto pela idosa que fazia parte de um grupo de caçadores.

“A notícia que se tem agora é que ela era caçadora e teria matado o filhote do elefante. Sim, foi vingança. Sim, os animais sentem, amam, sofrem… Muitos estudos já mostraram que elefantes choram seus mortos, sofrem com luto. Segundo especialistas, elefantes possuem um córtex frontal extremamente desenvolvido. O cérebro grande e repleto de neurônios é o motivo da “memória de elefante”, que não é mito”, escreveu a defensora na legenda.

Alexia ainda puxa os seguidores para a reflexão: “Vocês imaginam o sofrimento de um animal assim, que vive com sua família a vida toda, que ama, que chora… viver sozinho em um pequeno recinto em zoológicos?!??? Você que diz amar animais não pode mais compactuar com tantas atrocidades!”, escreveu.








Você pode gostar