Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Entretenimento

Justiça bloqueia contas bancárias de Galvão Bueno

Foram encontrados 1,4 mil reais nas contas do narrador. Esposa e filha também tiveram contas bloqueadas

A 9ª Vara Civil de São Paulo bloqueou contas bancárias do narrador Galvão Bueno e da esposa dele, Desirée. Galvão tem pendente uma dívida de R$ 1,3 milhão junto a um credor.

Galvão foi avalista na aquisição de um crédito em nome de sua empresa, a Virtual Promoções Participações. Ficou acertado que o pagamento seria feito em duas parcelas em benefício da Leste Credit. A informação é da jornalista Fábia Oliveira, colunista do jornal O Dia.

Foram encontrados nas contas de Galvão cerca de R$ 1,4 mil. Já em nome de Desirée, foram bloqueados cerca de R$ 90 mil. Houve, também um bloqueio de R$ 26 encontrados nas contas da empresa Virtual Promoções e Participações Eireli e ainda foram encontrados R$ 4,3 mil nas contas em nome da filha de Galvão, Letícia.

Os advogados da família  informaram à Justiça que há uma abusividade dos valores cobrados e tentam desbloquear todos os valores.






Você pode gostar