fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Economia

Auxílio foi prorrogado por 2 meses; prazo de inscrição acaba nesta quinta

Valor pago continuará sendo de R$ 600 por mês, no entanto, poderá ser dividido em pagamentos menores

Avatar

Publicado

em

Foto: Agência Brasil
PUBLICIDADE

Esta quinta-feira (2) é o último dia para fazer a solicitação do Auxílio Emergencial. Além disso, o programa foi prorrogado por mais dois meses. Inicialmente, o governo havia coordenado o pagamento de três parcelas do benefício de R$ 600 ou R$ 1.200.

Apesar do término do período de inscrição, o Ministério da Cidadania informou que as plataformas utilizadas para efetuar o cadastro continuarão funcionando com o intuito de tirar dúvidas dos usuários.

Não há informações sobre como proceder em casos de negativa da solicitação, já que o sistema não vai mais aceitar cadastros a partir de sexta-feira (3). A Caixa Econômica Federal informou que o site e o app CAIXA Auxílio Emergencial estarão disponível para o acompanhamento da situação cadastral. Além disso, a plataforma irá ceder informações sobre os crédito das parcelas, bem como para registro de contestações ou novas solicitações nos casos em que o motivo da não habilitação permitir tais ações.

Alguns especialistas jurídicos frisam a importância de insistir no direito de ter os dados analisados, para todos aqueles que se inscreveram até o dia 2 de julho. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O decreto que prorrogou, por mais dois meses, o programa de auxílio emergencial foi assinado na terça-feira (30). Valor pago continuará sendo de R$ 600 por mês, no entanto, poderá ser dividido em pagamentos menores.

Mesmo com a prorrogação, o prazo para solicitar o benefício segue sendo o mesmo (até esta quinta-feira (2). É o que deixa claro o texto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro.


Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade