fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Cidades

Urgente: decreto que permite reabertura de atividades no DF é suspenso

A ideia é impedir a reabertura total de academias, restaurantes, escolas e comércios até que o GDF apresente estudos que comprovem a segurança para tal ato

Aline Rocha

Publicado

em

Foto: Vítor Mendonça/Jornal de Brasília
PUBLICIDADE

No início da tarde desta quarta-feira (8), o Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT) suspendeu o decreto assinado pelo governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, que permitia a retomada das atividades econômicas na capital já na próxima semana. 

A ideia é impedir a reabertura total de academias, restaurantes, escolas e comércios até que o GDF apresente estudos que comprovem a segurança para tal ato. 

A decisão da justiça atende à ação popular impetrada por Marivaldo Pereira, advogado e ex-candidato ao Senado, Leandro Couto, cientista político,  Rubens Bias Pinto, integrante do Conselho de Saúde, e Hélio Doyle, jornalista. 

Veja o documento na íntegra:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Suspensão de reabertura no DF – 08/07/2020 by Jornal de Brasília on Scribd


Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade