fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Cidades

Bolsonaro diz que Alcolumbre vai conduzir reforma a contento no Senado

O presidente confirmou que Estados e municípios só entrarão na reforma se isso ocorrer em outra emenda à Constituição

Willian Matos

Publicado

em

PUBLICIDADE

Após a aprovação da reforma da Previdência em primeiro turno na Câmara dos Deputados na semana passada, o presidente Jair Bolsonaro avaliou nesta terça-feira, 16, que a expectativa para a votação do texto no Senado “é a melhor possível”.

“A expectativa é a melhor possível. Eu não posso forçar a barra. Falei com o (presidente do Senado, Davi) Alcolumbre e tenho certeza de que ele vai conduzir a reforma a contento”, afirmou, ao deixar o Palácio do Alvorada.

Bolsonaro confirmou que Estados e municípios só entrarão na reforma se isso ocorrer em outra emenda à Constituição. “Pelo que eu estou vendo, caso essa possibilidade seja aventada, será em uma PEC paralela. Porque não pode complicar mais a PEC que está aí”, completou.

Sem entrar em detalhes, Bolsonaro avaliou que vários indicadores estariam mostrando melhora da economia. “A maior prova de que eu acredito na equipe econômica é não interferir. A economia está indo muito bem, os dados de ontem (segunda) mostram perspectiva de ascendência dos dados da economia. Isso é um sinal de que estamos transmitindo confiança não apenas dentro, como também para fora do Brasil”, completou. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Universidades

Bolsonaro disse ainda que o Ministério da Educação apresentou o programa de autonomia das universidades federais na reunião do Conselho de Governo nesta terça. O presidente, no entanto, não deu maiores informações sobre o projeto.

“É um programa simples que vai dar nova dinâmica para a Educação, e vai ser apresentado semana que vem”, afirmou. “Nós queremos nossas universidades entre as 100 melhores do mundo. Queremos que elas formem bons profissionais”, concluiu.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Estadão Conteúdo




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade