Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Brasília

Vacinação contra a gripe já imunizou mais de 173 mil pessoas

Pessoas com 60 anos ou mais e professores de escolas públicas e privadas podem receber a vacina contra o vírus influenza

A campanha de vacinação contra a gripe continua acontecendo no DF e entrou em sua segunda fase desde a terça-feira passada, 11. A imunização é disponibilizada em 100 Unidades Básicas de Saúde (UBSs). Pessoas com 60 anos ou mais e professores de escolas públicas e privadas podem receber a vacina contra o vírus influenza. 173.247 pessoas que fazem parte de um grupo estimado em 775.329 foram vacinadas, desde 12 de abril até esta sexta-feira, 14. A meta da Secretaria de Saúde é imunizar 90% do público-alvo.

Mesmo já tendo iniciada a segunda etapa, pessoas que fazem parte dos grupos prioritários da primeira etapa – crianças de 6 meses a menos de 6 anos, gestantes, puérperas (mulheres em situação de pós-parto) e profissionais de saúde – também deve procurar os locais de vacinação, caso não tenham sido imunizados. Entre os integrantes desses grupos, as maiores coberturas vacinais são das puérperas, com 36,4%; e das crianças, com 35,8%.

Veja o andamento da campanha nesta arte:

O secretário de Saúde, Osnei Okumoto, ressalta a necessidade de a população elegível para receber a vacina procurar um dos postos de vacinação e manter-se imunizado contra o vírus. “Estamos no período de sazonalidade e, devido a isso, podem surgir mais casos de doenças respiratórias, como a influenza. Então reforçamos à aqueles que estão no grupo de risco para ir até a UBS (Unidade Básica de Saúd) mais próxima e se vacinar”, orienta.

Proteção contra o vírus

A influenza é uma infecção respiratória aguda, causada pelos vírus A, B, C e D. O vírus A está associado a epidemias e pandemias, tem comportamento sazonal e apresenta aumento no número de casos entre as estações climáticas mais frias.

A vacina garante proteção contra os vírus Influenza A H1N1, H3N2 e B. O Distrito Federal já recebeu 540 mil doses para vacinar os grupos prioritários. A previsão é vacinar 90% de um público estimado em 1.117.656 pessoas. O quantitativo restante de doses será enviado pelo Ministério da Saúde ao longo da campanha, de forma semanal.

A vacina é contraindicada para crianças menores de 6 meses de idade. Pessoas com história de anafilaxia a doses anteriores apresentam contraindicação a doses subsequentes. Contudo, na maioria dos casos, as vacinas contra influenza têm um perfil de segurança excelente e são bem toleradas.

*Com informações da Agência Brasília

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE






Você pode gostar