Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Brasília

Temporada de compras de fim do ano requer mais atenção dos consumidores

‌Guardar e-mails, panfletos e imagens de promoções, checar a reputação da empresa e pesquisar sobre os sites são algumas das recomendações do Procon-DF para o período de Black Friday e Natal

É importante guardar panfletos, trocas de mensagens, e-mails e demais documentos que tratem sobre uma promoção ou produto em questão. Caso a loja não tenha divulgado claramente a sua política de troca, o consumidor pode pedir que o vendedor anote as condições | Foto: Joel Rodrigues/Agência Brasília

O fim de ano é marcado pelas festividades de Natal e ano novo e também por promoções no comércio, como a Black Friday. Para evitar cair em fraudes e promoções e ter prejuízos com o pagamento do 13º salário ou daquela economia de meses e anos, o Instituto de Defesa do Consumidor (Procon-DF) recomenda cautela e planejamento.

Segundo o Procon, o planejamento é a primeira medida a ser tomada pelo consumidor. Para tanto, eles recomendam que as pessoas evitem comprar por impulso e pesquisem o preço do produto desejado em vários locais e durante semanas e meses. Isso pode evitar que o comprador pague um preço acima do mercado e caia em falsas promoções.

Em caso de necessidade de contato com o Procon-DF, o consumidor pode acionar pelo telefone 151, o e-mail [email protected] ou uma das dez agências presenciais do órgão.

“O brasileiro gosta da Black Friday, isso pegou aqui no país. O planejamento financeiro é necessário para saber se o que ele pretende comprar nesse período vai caber no orçamento e não vai virar uma dívida no futuro, se vai poder pagar à vista ou dividir. A primeira questão é essa”, explica o diretor-geral do Procon, Marcelo de Souza do Nascimento.

Um exemplo é a compra de uma geladeira que o consumidor pesquisou nos últimos meses e custava R$ 2 mil. Na Black Friday, ele vê o preço de R$ 2,3 mil mas o lojista anuncia que ela está com desconto de R$ 2,7 mil por R$ 2,3 mil, ou seja, acima do que deveria custar. Esse tipo de atenção é recomendável às pessoas.

Ainda no campo das compras em lojas físicas, o possível comprador deve ver se o produto anunciado aceita trocas. Há lojas que não fazem troca em promoções, e elas são apenas obrigadas a trocar em caso de defeito do produto. Por isso, é importante guardar panfletos, trocas de mensagens, e-mails e demais documentos que tratem sobre uma promoção ou produto em questão. Caso a loja não tenha divulgado claramente a sua política de troca, o consumidor pode pedir que o vendedor anote as condições.

Já no caso de compras digitais, é importante estar atento a outro problema: golpe de sites falsos. Antes de comprar na internet, o Procon orienta que se pesquise a reputação da empresa, se ela tem endereço físico, que se olhe o CNPJ da empresa e também a política de cancelamento e troca. “Se o site tiver sido criado há pouco tempo, provavelmente é golpe. Eles criam o site na véspera de épocas de venda, não entregam o produto ou entregam um falsificado, e depois fecham o site e as pessoas não encontram os donos daquela empresa”, alerta o diretor-geral do Procon/DF.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Outra dica para compras online é pesquisar sobre reclamações da empresa e ver comentários nas redes sociais. Isso pode ajudar o consumidor a evitar dores de cabeça.

“É preciso estar atento às falsas oportunidades. Depois da Black Friday, tem o Natal e o ano novo; depois no começo do ano, tem uma queima de estoque. O consumidor não precisa ter aquela pressa. Tem que tomar cuidado com anúncio de oportunidade única e também com preço muito abaixo do mercado”, observa Marcelo do Nascimento.

No entanto, Marcelo avalia que tanto lojistas quanto consumidores estão mais atentos. “Percebemos que o lojista está ficando mais responsável com os anúncios e também o consumidor está ficando mais preparado e tendo conhecimento do direito dele diretamente com o lojista. Estão mais bem informados”, confirma.

Com informações da Agência Brasília

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE






Você pode gostar