Brasília

Saiba os locais de testagem para o novo coronavírus no DF

A primeira fase da testagem em massa será voltada ao Plano Piloto e Águas Claras, por estarem estre as regiões com maior incidência dos casos da doença

Por Aline Rocha 20/04/2020 2h12

Nesta terça-feira (21) a Secretaria de Saúde do Distrito Federal começará a testagem em massa para o novo coronavírus na população do Distrito Federal (DF) por meio do serviço de drive-thru. A ideia de adotar essa maneira é para evitar aglomerações e reduzir a transmissão do coronavírus. 

O governador do DF, Ibaneis Rocha, disse ao Jornal de Brasília que o DF já está trabalhando com 15 mil testes em estoque. “Nós tínhamos uma média de 600 testes diários, estamos subindo para mil testes diários, e querendo chegar, na próxima semana, com 1,5 mil testes diários e ir ampliando de 500 em 500 até chegar em 3 mil testes diários até o final do mês”, explicou o chefe do Executivo.

Ibaneis explicou que a medida de testagem em massa dará maior segurança e possibilitará a determinação de medidas futuras.

“A ideia é chegar até o final do mês de maio , que é quando pretendemos abrir as escolas e retomar o serviço público como um todo, com cerca de 400 mil testes. Aí vamos ter em torno de 15% da população do DF testada”, afirmou ao JBr.

Quem deve fazer o teste?

A primeira fase da iniciativa será voltada às áreas do Plano Piloto e Águas Claras por estarem estre as regiões com maior incidência dos casos da doença. O grupo prioritário para testagem será das pessoas com sintomas de gripes, incluindo febre.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

É importante que estas pessoas estejam com sintomas, no mínimo, há sete dias, de acordo com especificações técnicas dos fabricantes dos testes. Todos os usuários devem levar documento de identificação e comprovante de residência.

Os atendimentos ocorrerão de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, em pontos específicos das três regiões administrativas.

Locais de testagem

  • Unieuro Águas Claras
  • Uniplan Águas Claras
  • Residência Oficial
  • Mane Garricha
  • Parque da Cidade

Há previsão de expansão nos pontos de testagem nos próximos dias. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Funcionamento

Todos os pacientes que fizerem o teste serão cadastrados na entrada do drive-thru e passarão por triagem de temperatura, através de câmera térmica, feita pelo Corpo de Bombeiros. Aqueles que não apresentarem sintomas não farão a testagem.

O atendimento ocorrerá por ordem de chegada, dentro do veiculo, sendo proibido descer sem orientação da equipe de saúde. Também é recomendado que a população utilize máscaras faciais já na saída do domicílio, e que cada carro tenha, no máximo, quatro pessoas.

Todos os profissionais de saúde e de apoio estarão utilizando equipamentos de proteção individual (EPIs) em todas as etapas do drive-thru. Será de responsabilidade exclusiva dos profissionais de saúde, devidamente identificados, a aplicação dos testes.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A Secretaria de Saúde montou equipes com o apoio de técnicos de enfermagem e enfermeiros do Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal (Iges-DF).

Tipos de testes

Todos os testes utilizados nesta ação são para detecção, exclusiva, do coronavírus. No entanto, são de dois tipos diferentes. 

Teste sanguíneo: coleta-se uma gota de sangue, a exemplo da medição de glicemia (taxa de açúcar no sangue). A partir desta gota de sangue é possível detectar a presença de anticorpos (IgG e IgM), que são defesas produzidas pelo corpo humano contra o vírus que causa a Covid-19. O resultado sai em até 30 minutos e será fornecido ao usuário após a coleta.

Teste swab: coleta-se material da garganta e do nariz do paciente, através de um swab (cotonete), analisado em laboratório. O resultado sai em até 48 horas, liberados pelo Laboratório Central de Saúde Pública do Distrito Federal (Lacen-DF).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Todos os casos confirmados serão notificados à Secretaria de Saúde. 






Você pode gostar