Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Brasília

Quadrilha que abriu contas bancárias em nome de terceiro é presa

Grupo falsificou documentos e fez compras e pediu cartões de créditos com os dados da vítima

Por Willian Matos 14/05/2021 9h29
Foto: Divulgação

Um grupo criminoso que falsificou dados de um morador do Distrito Federal e abriu três contas bancárias no nome dele foi desarticulado nesta sexta-feira (14).

Além das contas, o grupo fez transações financeiras, pediu cartões de créditos e compraram produtos pela internet, tudo em nome da vítima que teve os documentos falsificados. O prejuízo estimado é de R$ 100 mil. O crime ocorria desde 2018, estima a polícia.

Durante a operação, foram apreendidos uma caminhonete Toyota SW4; um jet-ski; itens para falsificação de carteira nacional de habilitação (CNH); R$ 33 mil em cheques com nomes de terceiros; sete celulares (sendo dois iPhones de última geração); notebooks; uma impressora; e uma refiladora, usada para dar acabamento aos documentos. Os mandados judiciais foram cumpridos em Ceilândia, Vicente Pires e Águas Claras (Areal).

Foto: Divulgação

Até o momento, foram identificados cinco integrantes do grupo. Eles poderão responder pelos crimes de estelionato, falsificação de documentos e associação criminosa, podendo pegar até 14 anos de reclusão cada.






Você pode gostar