Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Brasília

PCDF procura acusado de agredir e tentar matar o próprio pai

Aldinei Souza, 29 anos, agrediu o pai, que chegou a ter o pulmão perfurado e as costelas quebradas. A vítima está em estado grave

Por Willian Matos 21/09/2021 11h48

A 8ª Delegacia de Polícia (Cidade Estrutural) procura um homem de 29 anos acusado de agredir e tentar matar o próprio pai no assentamento 26 de Setembro, no dia 12 de agosto deste ano.

Segundo a 8ª DP, Aldinei Oliveira Souza pulou o muro da casa do pai e agrediu o homem, de 56 anos, que chegou a desmaiar com os golpes. A vítima teve perfuração no pulmão e fraturas nas costelas e está internada em estado grave.

Segundo a delegada-chefe da 8ª DP, Jane Klébia, o autor declarou que agrediu o pai porque ele praticava violência doméstica contra a mãe. “Em depoimento, a mãe e a irmã de Aldinei negaram as acusações e relataram que no dia das agressões não houve qualquer desentendimento ou motivo para o espancamento”, explica a delegada.

O acusado ainda chegou a enviar para a mãe e a irmã um vídeo retirado da internet onde um homem aparece tendo a língua arrancada. A intenção era ameaçar e intimidar as duas caso elas denunciassem o caso.

As apurações ainda comprovaram que o envolvido, além de agredir o pai, teria quebrado dois celulares e roubado R$ 1 mil do homem. “Após agredir o pai, Aldinei foi para uma festa, onde gravou um vídeo se divertindo. Depois enviou para a mãe e a irmã um vídeo da internet em que um homem teve a língua arrancada”, conta a delegada.

Aldinei permanece foragido, e a Polícia Civil (PCDF) pede ajuda da população para encontrá-lo. Denúncia e informações poderão ser feitas diretamente na sede da delegacia ou pelos canais on-line de denúncia e o DisqueDenúncia (197), ligação gratuita.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE








Você pode gostar