Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Brasília

Operação da PCDF prende cinco pessoas por contrabando de cigarro

O crime de contrabando tem pena de reclusão de 02 a 05 anos e não é afiançável. Os autuados em flagrante foram recolhidos à carceragem da PCDF

Guilherme Gomes
[email protected]

A Operação Bronquíolo, deflagrada pela Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), prendeu cinco pessoas em flagrante pelo crime de contrabando de cigarros, na tarde desta terça-feira (01). A ação visa coibir a venda ilegal dos produtos não permitidos.

O operação foi realizada em 20 estabelecimentos comerciais de Sobradinho, Ceilândia, Planaltina e Santa Maria. Um dos locais foi ainda interditado pelo PROCON/DF, por conter vários produtos com validade vencida.

O crime de contrabando tem pena de reclusão de 02 a 05 anos e não é afiançável. Os autuados em flagrante foram recolhidos à carceragem da PCDF.

De acordo com o Delegado da operação, o contrabando de cigarro fomenta o crime organizado. “Em 2018, estima-se que houve uma evasão fiscal de 11 bilhões de reais justamente por essa prática ilegal. De todos os produtos apreendidos, o cigarro representa 47% das apreensões”, afirmou.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE








Você pode gostar