Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Brasília

Lojas na Rodoviária do Plano Piloto estariam vendendo celulares roubados, aponta PCDF

Apurações começaram em maio, após um roubo de 35 celulares em uma loja de móveis e eletrodomésticos no Paranoá

Por Willian Matos 22/06/2021 8h35
Foto: Divulgação/PCDF

Investigações da Polícia Civil (PCDF) apontam que lojas instaladas em boxes na Rodoviária do Plano Piloto estariam vendendo celulares roubados. Na manhã desta terça-feira (22), agentes foram ao local e constataram a suspeita.

As apurações começaram em maio, após um roubo em uma loja de móveis e eletrodomésticos no Paranoá. Na ocasião, foram subtraídos 35 celulares. Os aparelhos foram enviados às lojas da Rodoviária do Plano.

A investigação detectou também que os boxes da Rodoviária estavam sendo ocupados por terceiros. Isto é, os proprietários alugavam os espaços para terceiros, o que não é permitido. Esta sublocação facilitava os crimes.

O líder da organização criminosa foi preso preventivamente. Segundo a PCDF, ele já possuía oito passagens pela polícia pelo crime de receptação de celulares na Rodoviária, mas sempre acabava respondendo em liberdade. O autor levava vida de luxo e “exibia numa BMW no valor de R$ 100 mil”, aponta a corporação.

Os autores também praticavam o que a polícia chama de phishing. Trata-se de um crime que consiste em enviar links para vítimas com o objetivo de enganá-las, fazendo com que elas enviem logins e senhas do iCloud para que os criminosos pudessem desbloquear aparelhos iPhone.

A Administração da Rodoviária foi informada do caso e disse que trabalha em conjunto com a PCDF para combater os crimes.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE






Você pode gostar